Conecte-se agora

O cabo de guerra entre Bocalom e vereadores

Publicado

em

O que muitos se perguntam é: O que está acontecendo entre o prefeito Tião Bocalom (PROGRESSISTAS) e os vereadores, principalmente com os que estavam com ele na eleição defendendo o projeto “Produzir para Empregar”? De antemão sabe-se que Bocalom optou por não ter base política no Poder Legislativo nem líder entre os que lhe apoiaram na eleição para defender seu projeto.

Também se sabe através de assessores, que nos primeiros dias de governança o prefeito Tião Bocalom teria recebido uma enxurrada de pedidos de emprego, o que o teria deixado muito irritado.

O certo é que o cabo de guerra entre ele e a Câmara está cada vez mais tensionado. Só não quebrou porque o presidente da Casa, vereador N. Lima (PROGRESSISTA), tem amenizado a situação. Porém, nem requerimentos e indicações estão sendo respondidos pela prefeitura tensionando a situação.

Na gestão do ex-prefeito Marcus Alexandre (PT0 vereadores de oposição como Eliane Sinhasique e Roberto Duarte, que o criticavam severamente, tinham seus pleitos respondidos e atendidos, assim como os demais. O ex-prefeito petistas criou uma estrutura para atender a Câmara.

A prefeitura do PT mantinha assessores especiais que acompanhavam as sessões, Comissões, audiências públicas e demais compromissos. Inclusive para responder adequadamente às críticas e denúncias da oposição.

Todos os secretários eram orientados a responder todos os pleitos. Nem por isso, a oposição dava sopa. Pode servir de exemplo. É uma questão de organização e planejamento.

“Quem não gosta de mim é porque não presta porque eu sou um cara legal”. (Chico Anízio, falando sério)

. Tudo acertado entre o governador Gladson Cameli (PROGRESSISTAS) e o ex-prefeito Vagner Sales;

. Final de semana comeram pirão de farinha juntos!

. A prefeitura tinha a obrigação (depois da construção do shopping popular) de remover as barracas da rua;

. Por que fazer à noite como se estivesse cometendo um crime?

. A cúpula petista andou se encontrando com o senador Sérgio Petecão, pré-candidato a governador, para troca de figurinhas.

. Sérgio e o PT foram grande aliados; depois andaram se estranhando e deu no que deu.

. Reatar relações faz parte do processo político!

. Como brigar também é perfeitamente natural.

. O que não é natural é briga política de quadrilhas como se vê hoje no Senado e na Câmara, e demais instituições da república bananeira.

. Na verdade, o Brasil é uma grande piada internacional!

. Consta que o pessoal de fora morre de ir da gente; se referem a nós, brasileiros, como os idiotas da atualidade.

. Tipo personagens de piadas portuguesas que inventaram por aqui.

. Dizem em Londres que não é complexo de vira-latas, é o próprio! (deu pra rir?)

. Também afirmam que por aqui a corrupção e o crime compensam; que as leis só fazem cócegas; que é igual a casa da Noca e da mãe Joana…

. Ninguém sabe quem manda, e que o povo é muito fácil de ser manipulado e manobrado politicamente.

. É só inventar uma mentira, publicar nos grupos de WhatsApp que todo mundo acredita.

. Por exemplo:

. Que a vacina é um chip líquido para satanás dominar o mundo, que a vacina seria a marca da besta.

. Que se tomar cloroquina pode sair pelas ruas sem máscaras, álcool em gel ou lavar as mãos que está tudo bem; se quiser pode usar bosta de vaca importada da Índia.

. Pois é, bom dia!

Coluna do Astério

A prioridade do PP é Mailza e não Gladson!

Publicado

em

Continuar lendo

Coluna do Astério

Aumenta a pressão para que Jorge Viana dispute o governo

Publicado

em

Continuar lendo

Coluna do Astério

Um dezembro diferente!

Publicado

em

Continuar lendo

Coluna do Astério

Leo de Brito diz que prefeitos não deixarão o PT

Publicado

em

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas