Menu

Friale diz que águas do Alto Acre não contribuem para cheia na Capital: “vazante inicia amanhã”

Foto: montagem sob foto de Whidy Melo/ac24horas
Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

O pesquisador Davi Friale falou ao ac24horas nesta terça-feira, 27, sobre o período de chuvas e cheia do rio Acre na capital acreana, e negou que as últimas cheias no Estado tenham relação com as mudanças climáticas.


Segundo Friale, as chuvas em todo o Acre devem dar trégua a partir de amanhã, quando o rio Acre deve começar a apresentar vazante. “A partir de amanhã (28) o rio Acre deve começar a diminuir. Isso porque o riozinho do Rola, que é o principal causador das enchentes aqui, já está diminuindo, assim como o rio Xapuri. Muitos pensam que Assis Brasil e Brasiléia provocam enchentes aqui, e não. Essa água que vem de Assis Brasil e Brasileia é praticamente desprezível em sua contribuição para enchentes na capital. Prova disso é que no ano passado, quando passamos por aquela grande enchente, Assis Brasil e Brasileia sequer ultrapassaram a cota de alerta”, disse Friale.

Publicidade

Friale negou que as enchentes recentes no Acre tenham sido acentuadas por uma mudança climática causada pelo homem. “Não existe isso de mudança climática, é uma estratégia para dominar a nossa mente. O que acontece é uma variação climática natural, causada pelo sol”, afirmou.


Veja o vídeo:

video
play-sharp-fill


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido