Menu

Marina Silva lamenta morte do sobrinho: “vítima da criminalidade que destrói vidas”

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

Após o jovem Cauã Nascimento Silva, de 19 anos, sobrinho da ministra do Meio Ambiente, Marina Silva, ter sido morto a tiros na tarde desta terça-feira, 6, dentro de uma residência no bairro Taquari, em Rio Branco, Marina se pronunciou nas redes sociais para prestar condolências à família que reside no Acre.


Segundo a ministra, é com dor que a família recebeu a informação do assassinato e disse ainda que Cauã foi vítima da violência que assola os estados brasileiros, em especial, o Acre. “Com imenso pesar e dor, recebo a notícia de que meu sobrinho-neto Cauã Nascimento Silva, de 19 anos, foi assassinado nesta terça-feira, 6, em Rio Branco, no Acre. Cauã foi vítima da criminalidade que destrói vidas, principalmente de jovens de bairros da periferia do nosso país”, declarou, pedindo a Deus consolo aos familiares.


Após o crime, a polícia revelou que Cauã estava em casa quando três criminosos não identificados chegaram em motocicletas, invadiram a casa, foram até o quarto e efetuaram vários disparos na vítima, que foi atingida com quatro tiros no peito e um no braço. Após a ação, os criminosos fugiram do local.

Publicidade

A Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) deverá investigar o caso.


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido