Menu

Inquérito sobre morte de Géssica deve ser concluído pela Civil em 30 dias, afirma delegado

Enfermeira Géssica Melo de Oliveira, 32 anos, morta por policiais militares neste sábado, 3 - Foto: Reprodução
Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

O inquérito que apura a morte da enfermeira Gessica Melo de Oliveira, 32, morta no último sábado, 2, após ser baleada durante perseguição policial, deve ser concluído em 30 dias. Géssica foi morta com dois tiros disparados por policiais do Grupo Especial de Fronteira (Gefron). Dois Policiais Militares envolvidos na ação foram presos por determinação da Corregedoria da PM do Acre.


Conforme o delegado de Senador Guiomard, Rômulo Barros, responsável pela investigação, o inquérito já está em andamento. “Essa investigação visa investigar a abordagem que resultou na morte da Géssica. O que posso dizer como autoridade policial é que já instauramos o inquérito, estamos fazendo as diligências com o maior cuidado para o caso ter a transparência que requer”, disse.


Ao ac24horas, Rômulo explicou que tem um prazo de 30 dias para concluir e espera fechar um inquérito com provas robustas. “Neste caso são 30 dias de prazo e pretendo apresentar ao Poder Judiciário uma investigação robusta que possa ter todos os elementos necessários para solucionar o caso”, explicou.

Publicidade

Rômulo disse ainda que tanto as diligências, quanto a perícia são importantes como elementos de esclarecimento da morte. “As diligências são primordiais, a perícia vai ajudar muito, além dos vários elementos que estão sendo colhidos com muita responsabilidade”, disse o delegado.


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido