Menu

Google e Facebook estão entre credores da 123 Milhas; lista tem mais de 7 mil páginas

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

As dívidas da agência 123 Milhas com credores ultrapassam os R$ 2,29 bilhões. A empresa enviou à Justiça mineira nesta semana uma lista com empresas e pessoas físicas que cobram ressarcimento da própria empresa e da HotMilhas (Art Viagens Ltda.), controlada por ela.


Somente as dívidas trabalhistas das duas empresas somam mais de R$ 16 milhões; já as fiscais ultrapassam os R$ 55 milhões.

Publicidade

A maior parte está nos chamados credores quirografários – aqueles que financiaram a empresa e não possuem preferência no recebimento em caso de falência: quase R$ 2 bilhões.


A lista é formada majoritariamente por pessoas físicas, mas as maiores dívidas são com grandes empresas de diferentes setores, entre financeiro, de tecnologia e do turismo.


Confira a lista com alguns dos credores da 123 Milhas e da HotMilhas:


Empresas de tecnologia


Amazon: R$ 2,5 milhões na 123Milhas e R$ 130 mil na HotMilhas


Facebook: mais de R$ 5,5 milhões na HotMilhas


Google: mais de R$ 24 milhões na 123Milhas e quase R$ 7 milhões na HotMilhas


Microsoft: mais de R$ 1 milhão na 123Milhas


Bancos e financeiras


Banco do Brasil: mais de R$ 74,2 milhões na 123Milhas e mais de R$ 22 milhões na HotMilhas

Publicidade

Bradesco: mais de R$ 13 milhões na HotMilhas


Caixa Econômica Federal: quase R$ 5 milhões na 123Milhas


Turismo

Azul Linhas Aéreas: cerca de R$ 500 mil na 123 Milhas


Iterpec: R$ 25,7 milhões na 123 Milhas


Kayak: quase R$ 3 milhões na 123 Milhas


Restel: R$ 12,4 milhões na 123 Milhas


Skyscanner: cerca de R$ 1,7 milhões na 123 Milhas


Trivago: cerca de U$S 133 mil ou R$ 640 mil na 123 Milhas


Os próprios sócios da empresa, Augusto e Ramiro Julio Soares Madureira, constam como credores, com valores acima de R$ 5 milhões.


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido