Menu

Pesquisar
Close this search box.

Acreano espanca e corta cabelo da ex com serrote e acaba preso em Rondônia

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

O acreano natural de Rio Branco Joel T.G. de 20 anos, foi preso na madrugada desse domingo (9) depois de espancar e usar um serrote para cortar o cabelo de sua ex-mulher, Nainá S.R. de 28 anos, que está grávida de três meses.


Ele foi preso por integrantes do 9º Batalhão da Polícia Militar de Rondônia, sediado em Vista Alegre do Abunã, onde ocorreu o fato.

Anúncios


O casal está separado há pouco mais de um mês.


Há informações de que o acusado teria feito o mesmo com sua irmã Joelma T.G. (27), além de ter espancado uma sobrinha de 3 anos.


Joel já foi transferido de uma da Delegacia Geral de Polícia de Extrema, para Porto Velho, onde deverá responder por crimes graves contra a mulher.


Entenda

Nainá e Joel viviam maritalmente há algum tempo e moravam numa propriedade do Ramal Progresso, na zona rural do Distrito de Vista Alegre do Abunã, no Estado de Rondônia. Devido aos constantes desentendimento, e especialmente pelo fato do acusado ser muito violento, a garota, mesmo gestante, optou pela separação e veio morar com parentes em Rio Branco.


No final de semana, Nainá estava na companhia da cunhada Joelma, quando resolveu voltar até sua casa em Vista Alegre do Abunã para pegar os seus pertences. Ao ficar sabendo que a ex-mulher estava na região, Joel armou uma emboscada e encontrou com ela na noite de sábado. Mesmo sabendo da gravidez da garota, ele a espancou e cortou o cabelo dela usando um serrote.


Joelma, irmã do acusado, tentou evitar a agressão e teve o mesmo destino. Foi espancada e teve o cabelo cortado da mesma forma. Joel ainda espancou uma sobrinha, filha de Joelma, que ficou lesionada. Devido à distância do local do fato, somente por volta de 2h de domingo é que as mulheres chegaram ao quartel do 9º Batalhão da Polícia Militar, onde registraram o ocorrido.


De imediato, os policiais militares se deslocaram ao local indicado onde foram informados que o acusado havia fugido. Mais tarde, Joel voltou a ameaçar as vítimas, quando acabou sendo encurralado e preso em flagrante. Dado à gravidade do caso, foi transferido para a delegacia especializada de atendimento à mulher em Porto Velho.


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido