Menu

Polícia identifica homem encontrado amarrado com marcas de tortura

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

O Instituto Médico Legal (IML) da Polícia Civil identificou a tarde desta quinta-feira, 23, o corpo do homem que foi encontrado amarrado e com marcas de tortura na manhã desta quinta-feira, nas proximidades de uma antiga cerâmica na Avenida das Acácias, no bairro Distrito Industrial, em Rio Branco. A vítima foi reconhecida como Afatsum Anute, de 31 anos, sobrinho do ex-vereador Luiz Anute.


A mãe de Afatsum, Mauricéia Anute, usou as redes sociais para lamentar a morte do filho e chegou a afirmar que o perdeu para as drogas. “Você descansou meu filho Afatsum Anute, a pior dor que sinto nesse momento. Perder um filho pra essa maldita drogas, não desejo a ninguém uma dor dessa”.


No IML, a mãe chegou a relatar à imprensa que o filho realmente era usuário de drogas e que não estava morando com ela, e sim com uma mulher. Depois eles terminaram o relacionamento e ela não sabia onde ele se encontrava. Ela disse ainda que só soube de seu filho hoje após sua morte ter sido anunciada.

Publicidade

A Polícia já segue com as investigações em busca de prender os autores do crime, e trabalha com a linha de investigação que a morte de Afatsum Anute, pode estar relacionada ao tráfico de drogas, suposta dívida com traficantes.


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido