Menu

Retrospecto dos seis anos de Tite à frente da seleção brasileira

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

Foto: Lucas Figueiredo/CBF


Tite está prestes a comandar o Brasil em sua segunda Copa do Mundo. Mas, o Mundial do Catar representa uma grande diferença no processo de preparação ante ao primeiro desafio em 2018. Isso porque Tite assumiu a seleção somente em 2016, na metade do ciclo e em uma situação caótica nas Eliminatórias da América do Sul.


Na ocasião, a seleção estava apenas na sexta colocação e a população demonstrando pouca confiança na equipe. Com a chegada de Tite, o estilo de jogo foi bastante modificado e o Brasil voltou a vencer na competição. Em uma campanha de recuperação, a seleção se classificou sem sustos para a Copa da Rússia.

Publicidade

Entretanto, o técnico acabou eliminado pela Bélgica, nas quartas de final do Mundial. Desta vez, Tite contou com um período completo com Eliminatórias, amistosos e muito mais tempo para renovar o grupo de trabalho. Além disso, novos talentos surgiram nos gramados brasileiros e se consolidaram no futebol mundial, como Vinicius Jr, Rodrygo, Anthony e tantos outros.


A equipe brasileira carimbou o passaporte para o Mundial do Catar com muita antecedência e na primeira colocação das Eliminatórias. Por isso, os brasileiros chegam como grandes favoritos para vencer a Copa do Mundo. Mas, será que o retrospecto de Tite sustenta esse favoritismo?


De fato, os números de Tite à frente da seleção impõem respeito. Nestes seis anos de trabalho, foram 76 jogos, com 58 vitórias, 13 empates e 5 derrotas. No atual ciclo para a Copa do Mundo 2022, são 50 jogos, com 38 vitórias, 9 empates e 3 derrotas.


Apesar disto, Tite rechaçou o status de favorito. “Não estou dizendo que o time vai ganhar, mas o time chega mais forte, mais estruturado. E humanamente mais entrosado, os atletas sabem como a gente trabalha. A seleção chega mais firme, mais forte e consistente para o Mundial”, declarou.


A boa fase da seleção brasileira também tende a levar milhares de torcedores a se envolverem ainda mais com a Copa do Mundo. Por isso, a oportunidade de palpitar em todos os jogos na plataforma da Bolla representa uma forma de acompanhar o Mundial de perto e ainda ganhar dinheiro.


A Bolla foi fundada por uma equipe de profissionais altamente experientes na indústria de tecnologia dos Estados Unidos. Deste modo, a plataforma chega consolidada e com a promessa de revolucionar o mercado brasileiro de apostas online. Não dá pra perder, não é?


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido