Menu

N. Lima defende subsídio de R$ 7,9 milhões para manutenção da Ricco

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

O presidente da Câmara Municipal de Rio Branco, vereador N. Lima (Progressistas), declarou em coletiva de imprensa nesta quarta-feira, 29, que defende o projeto de lei complementar que visa conceder subsídio de R$ 7,9 milhões para a empresa Rico Transporte operar o sistema de transporte na capital.


O presidente afirmou que caso o aporte financeiro seja aprovado na Casa Legislativa, o problema do transporte coletivo não será solucionado. “Não é solução, é uma saída para o momento que chegou ontem e nós recebemos o projeto e já colocamos para a Procuradoria e o parecer já está pronto”, comentou.

Publicidade

Lima mencionou que o PL deverá tramitar nas comissões do Poder Legislativo antes de ser levado ao plenário da Câmara. “Vai resolver o problema, não vai, mas pelo menos temos que garantir que a empresa permaneça e continue realizando o serviço dela para a população de Rio Branco”, ressaltou.


Bastante corrente nas declarações, Lima acredita que o subsídio seja aprovado. Segundo ele, não é uma imposição, é uma necessidade da população que usa o sistema coletivo. “Eu como presidente e vereador eu preservo a população. Se a empresa sair vai prejudicar a população. Se fosse para aumentar a passagem, o projeto não passaria, mas é um subsídio para manter a empresa”, explicou.


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido