Conecte-se agora

Habitação é o setor que fez que Rio Branco se tornar segunda capital mais cara do país

Publicado

em

O Sistema Fecomércio-Sesc-Senac/AC informou nesta quarta-feira, 13, que o setor de habitação foi o principal influenciado para o aumento do Índice de Preços ao Consumidor (IPCA) na capital acreana. Este fator fez com que Rio Branco se tornasse a vice-campeã nacional na carestia.

Os dados foram divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Segundo o consultor Egídio Garó o IPCA de dezembro subiu 1,37%, o que a deixou abaixo apenas de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul. No Acre, os índices de habitação, alimentação e bebidas, apresentaram aumento.

De acordo com Garó, a habitação obteve 5,51% do total acumulado no ano; seguido de alimentação e bebidas, com 1,49%; e transportes, com 0,91%. O consultor explicou que, na habitação, são considerados a elevação do preço da energia elétrica que, além das bandeiras impostas pela baixa geração de energia, ainda sofreram ajustes tarifários ao longo do ano.

“O item de alimentação e bebidas foi o segundo que mais contribuiu para o índice geral da cidade, causado pelo aumento das alíquotas tributárias, o alto custo do frete ( que influenciou na elevação do índice dos transportes). Esses índices se apresentaram elevados por conta do constante aumento no preço dos combustíveis negociados na cidade, bem como a elevação do custo do metro quadrado na construção civil. Os transportes, que envolve o setor geral, incluindo automóveis, caminhões, motos e utilitários, também sofreu a influência da elevação no preço”, disse o consultor à Fecomércio.

Destaque 6

Bolsonaro: ‘Se eu estivesse no comando, não tinha morrido tanta gente’

Publicado

em

Por

Foto: Alan Santos/PR

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou, no sábado (24), que se estivesse coordenando o combate à pandemia, o país teria registrado menos mortes.

O presidente citou o “tratamento precoce”, que não tem comprovação contra Covid-19 e defendeu a autonomia dos médicos.

“Se eu estivesse coordenando a pandemia não teria morrido tanta gente. Você fala de tratamento inicial. A obrigação do médico, em algo que ele desconhece, é buscar amenizar o sofrimento da pessoa e o tratamento off label”, afirmou.

Bolsonaro utilizou o fato de que o  Supremo Tribunal Federal (STF) possibilitou que estados e municípios decretem medidas de combate à Covid, para justificar omissão na pandemia.

Durante a conversa com apoiadores, o chefe do Executivo federal ainda voltou a atacar vacinas.

“Agora, qual país do mundo faz acompanhamento de quem tomou vacina? Tem gente que está sofrendo efeito colateral, o que está acontecendo? A CoronaVac ainda é experimental e tem gente que quer tornar obrigatória”, afirmou.

De acordo com Bolsonaro, a vacina tem que ser “facultativa”. “Me chamam de negacionista por isso”, disse.

Fonte:  Diário de Pernambuco

Continuar lendo

Destaque 6

Com hat-trick de Bruno Henrique, Flamengo aplica 5 a 1 no São Paulo

Publicado

em

O Flamengo goleou o São Paulo por 5 a 1, no Maracanã, neste domingo, e pôs fim a uma sequência de quatro anos e nove jogos sem vencer o adversário. A estrela da noite foi o atacante Bruno Henrique, autor de três gols – Gustavo Henrique e Wellington (contra) completaram, e Arboleda descontou para os paulistas.

A última vitória do Flamengo sobre o São Paulo havia acontecido em 22 de outubro de 2017, pelo Campeonato Brasileiro. Desde então, foram três empates e seis vitórias da equipe paulista.

Oito minutos. Este foi o tempo que Bruno Henrique levou para fazer três gols e virar o placar para o Flamengo. O atacante ainda havia marcado antes, mas o árbitro anulou ao assinalar toque no braço do jogador. Escolhido o craque da partida, Bruno pediu música no Fantástico: “Bilhete Premiado”, do MC Kevin.

Continuar lendo

Destaque 6

Tribunal de Contas da União alerta sobre tentativa de golpe

Publicado

em

O Tribunal de Contas da União (TCU) alerta a sociedade, em especial os servidores aposentados, sobre um golpe em curso envolvendo o nome do TCU.

Nele, estelionatários se passam por servidores do Tribunal e informam às vítimas que elas têm valores a receber decorrentes de perdas financeiras referentes ao Plano Collor.

Como condição para que a vítima receba o dinheiro, o criminoso exige um depósito bancário, antecipado, em conta bancária apontada por ele.

“O Tribunal esclarece que, em hipótese alguma, entra em contato direto com cidadãos exigindo depósitos bancários. Boa parte das ocorrências de golpe tem sido contra servidores aposentados, que parecem ser as vítimas preferidas dos criminosos”, alerta o TCU, pedindo que caso a pessoa receba alguma ligação do tipo, desconfie. “Não passe seus dados pessoais ou entregue qualquer valor. As falsas instruções dadas na ligação devem ser ignoradas e o contato deve ser denunciado à polícia”.

Continuar lendo

Destaque 6

Presidente do BNDES trará comitiva ao Acre para discutir parcerias

Publicado

em

O presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Gustavo Montezano, desembarca no Acre nesta segunda-feira, 26, para discutir parcerias e projetos com o governo do Acre e os municípios.

Montezano e sua equipe farão uma série de visitas não apenas Rio Branco, mas Cruzeiro do Sul, Rodrigues Alves, Assis Brasil, entre outras cidades do Acre oferecendo parcerias para iniciativas de desenvolvimento em diversos setores, como, por exemplo, agropecuária sustentável e saneamento básico.

Segundo informações, a visita do presidente do BNDES durará até sexta-feira, 30, e tem como principal motivo as concessões de saneamento em diversos Estados brasileiros, inclusive nas regiões Norte e Nordeste, atraindo investimentos e recursos aos municípios.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas