Menu

Petistas “encostados” na prefeitura devem apoiar Socorro

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

Dezenas de militantes do PT que ainda ocupam cargos na estrutura da prefeitura de Rio Branco deverão se desfiliar da sigla nos próximos dias para ingressarem no PSB da prefeita Socorro Neri, que deve disputar a reeleição em 2020. Essa seria a principal condição para que todos sejam mantidos em seus cargos.


Desde que a prefeita se reuniu com a bancada do PT na câmara nesta semana, uma série de reuniões internas nas secretarias ocorreram, todas no intuito de cobrar posicionamento dos aliados vermelhos que ainda estão na gestão. Uma lista de exoneração deve ser confeccionada nos próximos dias. Os comissionados ideológicos, mais ligados ao PT, já iniciaram o processo de pedido de exoneração, se antecipando a decisão da gestora do município.


O rompimento deve ser chancelado após a chegada do presidente do PSB, o ex-deputado federal César Messias, que deverá sentar com os cardeais do PT e oficializar o fim da aliança.

Publicidade

Pelo menos três nomes de peso da ala petista devem pedir desfiliação ainda hoje: o secretário de saúde, Otoniel Almeida, Temyllis Silva e Pablo Mendes, que ocupa o cargo de diretor do Departamento de Tecnologia da Informação (DTI), e é cotado para assumir a Comunicação da prefeitura.


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido