Menu

Minirreforma administrativa será enviada essa semana à Aleac

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

Os deputados estaduais devem receber essa semana a proposta de minirreforma administrativa que está sendo preparada pelo governador do Acre, Gladson Cameli. Além de extinguir o cargo de assessor especial, o progressista vai ressuscitar pastas que acabaram enterradas no início do novo governo.


Gladson, que prefere chamar as alterações na estrutura do governo de “ajuste” para melhor desempenho dos trabalhos, alerta que as mudanças visam dar mais condições de trabalho para os gestores, e, ainda, garantir a alocação de recursos já articulados para setores do governo.


Além de propor à Assembleia Legislativa do Acre que sejam ressuscitadas as pastas de Mudanças Climáticas e Ação Social, o governador quer reincorporar o Instituto Dom Moacyr à estrutura da Secretaria de Educação, Esporte e Cultura (SEE). Gladson também quer alterar leis para desburocratizar a gestão.

Publicidade

Outra medida é acabar com o GPPE, o Grupo Permanente de Planejamento Estratégico do Governo do Acre, que deu poderes de conselho aos secretários de áreas estruturantes, como os do Planejamento, Fazenda, Controladoria Geral, Procuradoria e Casa Civil.


“Nós vamos fazer um ajuste da nossa estrutura. É uma forma de criar mais oportunidade para os nossos secretários acabarem com a burocracia na gestão. Vamos trazer de volta o IMC e fazer a mudança no ICM. Vamos fazer esses ajustes na reforma que foi aprovada em dezembro”, pontua o governador.


Como contou o ac24horas, a mudança ocorre principalmente porque Cameli está insatisfeito com os resultados que não são vistos em quase 100 dias de governo. O carnaval passou, mas os números positivos, tão esperados desde a vitória nas urnas, não chegaram, nem dão sinais de que virão facilmente.


O governador diz se sentir pressionado por resultados, e que quer apresentá-los quanto antes: “O que eu quero? Eu quero as soluções! As pessoas não aguentam mais esperar, e nós precisamos mostrar serviço, precisamos mostrar resultados. Já passou um bom período, estamos trabalhando, e vamos melhorar para dar mais condições aos nossos secretários”, completa.


Gladson desistiu de retirar o status de secretaria da Polícia Civil. A ideia era de rebaixar a instituição porque estaria havendo “discórdias” dentro da instituição, o que prejudica o andamento dos trabalhos. Após reunião com representantes da pasta, resolveu manter o perfil institucional.


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido