Menu

Lei institui o Dia da Cultura Ayahuasqueira no Estado do Acre

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

O governador do Acre, Sebastião Viana, sancionou na edição do Diário Oficial do Estado (DOE) desta segunda-feira, 30, a Lei Nº3.399 que institui o Dia da Cultura Ayahuasqueira. A data será comemorado todo dia 24 do mês de novembro e passará a integrar o Calendário de Eventos do Estado.


O que é a ayahuasca? Composto por uma mistura de plantas amazônicas, a ayahuasca ou o chá do Santo Daime é o elemento central de rituais xamânicos herdados da cultura indígena. O berço dessas doutrinas fica em Rio Branco (AC) e a bebida é usada há milhares de anos pelos pajés de várias tribos amazônicas do Brasil, do Peru e do Equador.


A ayahuasca é produzida a partir de duas plantas nativas da floresta amazônica: o cipó mariri ou jagube (Banisteriopsis caapi) e folhas do arbusto chacrona ou rainha (Psychotria viridis). O nome quíchua é de origem Inca, o “cipó dos espíritos” ou “vinho dos mortos”, e se refere a uma bebida sacramental.

Publicidade

Com gosto amargo, a cor da bebida varia entre ocre e marrom-escuro e seus efeitos mais comuns são vômito e diarreia. O chá também provoca alucinações e visões místicas.


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido