Menu

Segurando feto, mulher denuncia maternidade por negligência

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

Uma mãe de dois filhos e grávida do terceiro denunciou a imprensa na tarde da quinta feira, 17, um ato negligência médica contra ela por parte dos médicos da Maternidade Bárbara Heliodora.


Revoltada, a mulher segurava o feto, de frente as escadarias da unidade hospitalar, do qual estaria grávida de aproximadamente três meses. O aborto teria ocorrido nas dependências da unidade enquanto a gestante aguardava atendimento médico pela terceira vez em uma semana.

Publicidade

Segundo relato da mulher, ela sentiu vontade de ir ao banheiro para urinar quando ocorreu o aborto espontâneo. Ela acredita ter sido vítima de erro médico, já que “na terça-feira, 15, esteve com dores e sangrando. O médico fez uma ultrassom e informou que estava tudo bem com a criança, após medicação regressou a casa. Na quarta-feira, 16, novamente sangrei e retornei à maternidade nesta quinta- feira, 17, para ter certeza de que estava tudo bem. Me colocaram na classificação de risco para atendimento em até quatro horas e resolvi ir ao banheiro fazer xixi, quando vi meu bebe já tinha saído de mim” disse a jovem ainda com o feto na mão.


O Diretor Técnico da Maternidade, José Santiago, prestou esclarecimento a imprensa e informou que será instaurado procedimento administrativo, a fim de constatar se houve ou não negligência médica. “se a paciente não tivesse omitido este fato (sangramento) ela teria sido avaliada de imediato. Um procedimento administrativo será instaurado para apurar se houve negligência médica ou não”, explicou.


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido