Menu

Pouso do avião de Lula descumpre normas do CA

Está decidido! O PT do Acre usou sua força política e passou por cima da regra estabelecida pelo Ministério da Aeronáutica que proíbe pousos e decolagens no aeroporto de Rio Branco durante as obras de reforma da pista, entre 8h da manhã e meia-noite, até o dia 20 de dezembro. Tudo para atender a agenda individual do ex-presidente Lula, que chega ao Acre em voo particular por volta das 10h30 desta quinta-feira para fazer campanha em favor dos petistas Sebastião Viana e Dilma Rousseff.
O arranjo político petista ocorre ao mesmo tempo em que voos com pacientes do TFD são obrigados a decolar de Cruzeiro do Sul a Rio Branco durante a madrugada por causa da regra do Departamento de Controle do Espaço Aéreo Brasileiro (DECEA), o chamado NOTAM (documento com efeito de lei para a aviação que significa aviso aos aeronavegantes).
A lei estabelecida pelo órgão subordinado ao Comando da Aeronáutica prevê excessões apenas em casos de pousos presidenciais ou de cunho emergencial, como os voos do Tratamento Fora do Domicílio, por exemplo.
Também é por causa dessa regra que todos os voos comerciais do Acre estão sendo feitos a partir da meia noite, sacrificando os passageiros.
Na tarde desta quarta-feira, indagado pela reportagem de ac24horas, o presidente do PT no Acre, Ermicio Sena, confirmou a agenda do ex-presidente alegando que a Infraero foi avisada e o ato de recepção da militância petista a Lula será realizado no saguão do aeroporto.
Nenhum órgão de fiscalização eleitoral se pronunciou sobre o assunto.
Procurado pela reportagem, o promotor Danilo Lovisaro, do Ministério Público Eleitoral do Acre, disse que o órgão não tem atribuições para mover ações neste caso, já que trata-se de uma regra estabelecida por uma instituição federal.

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido