Rio Branco - Acre, 2 junho 2023, horário atual: 8:13 pm.

Servidores protestam por quebra de acordo para manter Oswaldo Leal como secretário de Saúde

Ray Melo,
da redação de ac24horas
[email protected]


Vestidos de preto, os servidores da Secretária Municipal de Saúde de Rio Branco, protestaram na manhã desta sexta-feira, 14, contra a quebra de um suposto acordo dos líderes petistas, para manter o médico Osvaldo Leal, como gestor da pasta.


O governador Sebastião Viana (PT) não teria cumprido com o acordo que firmou com os servidores para aderirem à campanha do prefeito eleito Marcus Alexandre (PT) na campanha eleitoral deste ano. Os manifestantes dizem que os líderes petistas mentiram.


Segundo os servidores da área de saúde, a secretária deverá ser ocupada pela prima do secretário de Pequenos Negócios do Governo do Acre, José Carlos Reis. A concentração aconteceu na frente do prédio da Prefeitura de Rio Branco.


“Saúde municipal em luto com a saída de Osvaldo Leal”, dizia uma das faixas carregadas pelos servidores públicos do município. Eles dizem que foram convencidos a participar de bandeiraço em votar em Marcus Alexandre, com a promessa de que Leal ficaria.


“Participamos de todos os eventos de campanha e votamos no candidato indicado pelo governador. Ele prometeu que Osvaldo Leal permaneceria como secretário, mas mentiu. Sabemos que a saída está sacramentada”, dizem os manifestantes.


A troca de gentileza da cúpula petista com os servidores da saúde durou apenas até a votação do segundo turno, após a apuração, os funcionários da prefeitura dizem que não foram mais atendidos pelos líderes e coordenadores da campanha do PT.



 


 


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido