Menu

Jorge Viana agradece acolhida de lideranças comunitárias de bairros de Rio Branco

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

Ouvir a comunidade, seus anseios e expectativas, e fazer dessas opiniões a base para um mandato cada vez mais participativo. Este é o objetivo do senador Jorge Viana, que se reuniu, no último fim de semana, com várias lideranças comunitárias de Rio Branco. Em discurso feito nesta segunda-feira, 26, no Senado, Jorge Viana relatou sua visita aos bairros Taquari, 06 de Agosto e Terminal da Cadeia Velha – todos atingidos pela cheia do rio Acre -, e agradeceu a acolhida dos moradores.


As conversas foram realizadas na varanda, na sala ou no quintal das casas. Jorge Viana ressaltou a presença de pessoas importantes, que representam suas comunidades, como no bairro Taquari, onde estiveram presentes o diretor da Escola Elias Mansour, Justino Queiroz; o Pastor Elias, da Assembléia de Deus; o Chico Monitor, liderança comunitária da Igreja Católica; e o presidente da Associação de Moradores, Salim Manasfi.


No bairro 06 de Agosto, a reunião aconteceu na casa da Maria da Luz Saldanha, filha de uma das moradoras mais antigas do local, Madalena Oliveira. O bairro é, para o senador Jorge Viana, um símbolo da luta do governo da Frente Popular por um equilíbrio entre as condições naturais do ambiente e a ocupação urbana. Foi durante o seu governo que aconteceram importantes investimentos para revitalização daquela área.

Publicidade

“Nesse encontro tivemos a presença de figuras emblemáticas, como a professora Guajarina Margarido. Ela, que hoje é presidente da Associação de Mulheres do 2º Distrito, representa muito na luta por melhores condições daquele bairro e esteve conosco tomando um café, um suco de cajá, falando sobre o que espera do nosso trabalho”, declarou o senador, citando ainda as presenças na reunião do Sr. Oliveira, um dos primeiros moradores da região; do presidente do bairro, Sérgio Roberto; do comerciante Jamyl Farias, que trabalha no mercado 06 de Agosto, e dos diretores das escolas Roberto Santos Mubárac, Antônio José, e Reinaldo Pereira Silva, Aledir Soares.


A última reunião aconteceu no sábado de manhã, no bairro Cadeia Velha, com a presença de outros importantes colaboradores, como o vereador Elias Campos (PRP), o presidente do bairro Baixada da Habitasa, João Paulo Santos, o conselheiro Pedro Seratto e a professora Nilva Souza de Lima, Diretora da Escola Georgete Kalume, além do presidente do bairro, José Ribamar.


“Como senador, fui pessoalmente até a casa das pessoas, saber como a gente pode ajudar neste momento, especialmente depois desse desastre natural que prejudicou a vida de tantas famílias”, comentou Jorge Viana.


Monitoramento – O senador elogiou a atuação do governador Tião Viana e dos prefeitos dos municípios atingidos pela enchente, especialmente os de Rio Branco, Raimundo Angelim, e de Brasiléia, Leila Galvão, que estão à frente das duas cidades que mais somam prejuízos decorrentes do aumento das águas. Jorge Viana também agradeceu o apoio da presidente Dilma na liberação de recursos, via Ministério da Integração, mas lembrou que é preciso continuar na luta pela viabilização de projetos para reconstrução dos municípios. Do prefeito de Rio Branco, o senador recebeu um Plano de Reconstrução que soma R$ 18 milhões para recuperação de áreas afetadas pela cheia na capital acreana.


Jorge Viana também defende um projeto de monitoramento de rios, o que permitirá prever com certa antecedência o aumento das águas, e evitar tragédias como a que aconteceu em Brasiléia. Os equipamentos para este trabalho já foram disponibilizados pela Agência Nacional de Águas (ANA) e deverão entrar em operação numa parceria com o Governo do Estado.


Charlene Carvalho


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido