Conecte-se agora

Termina quinta-feira o Mutirão de Conciliação Seguros DPVAT

Publicado

em

Pelo menos 600 processos poderão alcançar uma solução consensual no Mutirão de Conciliação, que começou nesta terça-feira (04) e seguirá até a próxima quinta-feira (06). Eles estão relacionados ao Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores em Via Terrestre (DPVAT).

O Desembargador-Presidente Adair Longuini prestigiou a abertura da atividade que acontece no Centro Judiciário de Soluções de Conflitos e Cidadania (CEJUS). Também estiveram presentes o Presidente da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Acre (OAB-AC), Florindo Poersch, e representantes da Seguradora Líder dos Consórcios DPVAT. Número expressivo de pessoas compareceu já nas primeiras horas ao local.

A Juíza Mirla Cutrim, que responde pela unidade e coordena as atividades do Mutirão enfatizou que “agora é a população poderá resolver os seus processos de modo mais célere”. Ela também lembrou que o espaço é um cenário ainda mais favorável ao usuário, mais acolhedor e que traz maior legitimidade e segurança jurídica.

Adair Longuini destacou que os cidadãos poderão contar com os serviços do CEJUS. “Este Centro permite o atendimento diário e permanente na fase pré-processual (quando não se ajuíza uma ação). Sempre que necessário, porém, quando tivermos muitas demandas de um litigante, como uma empresa, um banco etc, na fase processual, faremos mutirões como este, que trazem muitos benefícios aos cidadãos: cessam os recursos, abreviam o tempo do processo, e chega-se a um denominador comum, por meio das concessões recíprocas, nas quais as duas partem cedem, estabelecem um acordo e todos saem ganhando”, explicou.

Na ocasião também foi assinado um Termo de Cooperação Técnica entre o TJAC e a Seguradora Líder, que definiu a criação de um programa de conciliação, cujo objetivo é resolver os conflitos em que a empresa seja parte. Além de diminuir as demandas processuais, a ação irá proporcionar um resultado ágil e efetivo da prestação jurisdicional.

A Seguradora Líder dos Consórcios DPVAT está entre as primeiras colocações na lista divulgada pelo TJAC, em 2010, apontando as instituições que mais possuem processos no âmbito da Justiça Estadual. Somente no 1º Grau, são 1.539 feitos.

“Queremos litigar o mais rapidamente possível as ações judiciais. Vale muito mais a pena a gente investir para conciliar, o que é melhor para a sociedade. O Tribunal fez essa proposta, e nossa forma de contribuir é oferecer as melhores condições para que as pessoas recebam o quanto antes os seguros aos quais tenham direito”, ressaltou a advogada Maristela Melo, representante da Líder.

Pelo menos 60 pessoas, entre conciliadores, advogados locais e da Seguradora integram este primeiro Mutirão de Conciliação dos seguros DPVAT. Além de salas para realização das audiências, há ainda aquelas destinadas exclusivamente à realização de perícia médica.

Nesta terça, quarta e quinta-feira (dias 4, 5 e 6 de outubro), as vítimas de acidente de trânsito que recorreram à Justiça para receber o seguro terão a chance de encontrar uma solução mais efetiva e rápida para suas demandas.

Para mais informações sobre a atividade, inclusive para manifestar interesse em participar dela, o cidadão deve ligar para os números (68) 3211.5412 ou 3211.5414. O CEJUS fica localizado no Fórum da Avenida Ceará (Avenida Ceará, nº 2692. Bairro Abraão Alab. Rio Branco-AC).

AGÊNCIA TJAC

Anúncios
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Conectar

Deixe uma resposta

Acre

Mailza comemora chegada de mais 21 mil doses de vacina para o Acre

Publicado

em

­Parlamentar também destacou aprovação de R$ 450 milhões do Governo Federal para ajudar famílias atingidas pelas alagações no Brasil

A senadora Mailza Gomes (Progressistas-AC) comemorou a chegada de mais de 21 mil doses de vacina trazida pelo presidente Jair Bolsonaro, que cumpriu agenda no Acre nesta quarta-feira, 24. Mailza também reiterou a aprovação do crédito extraordinário do Governo Federal de R$ 450 milhões para as cidades do Brasil que sofrem com os alagamentos. Parte desse valor será destinado ao Acre para ajudar as famílias atingidas pela enchente no estado.

“Junto com o senador Bittar, que é relator do Orçamento Geral da União 2021 e o governador Gladson, na semana passada estivemos em reunião com o ministro da Economia, Paulo Guedes, e viabilizamos com Guedes um crédito extraordinário de 450 milhões Fico muito feliz por receber hoje uma resposta positiva que em breve o recurso será disponibilizado e vai ajudar muito as famílias que estão sofrendo com os alagamentos. Estamos unidos para superar esse momento” disse a senadora.

Segundo o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, os recursos serão transferidos até a próxima sexta-feira, 26, e distribuídos aos municípios atingidos pela cheia no Acre.

Após o anúncio da chegada de mais de 21 mil doses de vacina, Mailza comemorou. “Recebemos com muita alegria essas novas doses. O governador Gladson tem trabalhado bastante e todo trabalho tem sido muito importante. Cada dose que a gente recebe é uma vida salva e uma esperança renovada”, comemorou.

Continuar lendo

Acre

Acre tem 291 casos e se aproxima de mil mortes por Covid-19

Publicado

em

O boletim divulgado pela  Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre) registra 291 casos de infecção por coronavírus nesta quarta-feira, 24, sendo 154 confirmados por exames de RT-PCR e 137 por testes rápidos. O número de infectados saltou de 55.590 para 55.881 nas últimas 24 horas.

Até o momento, o Acre registra 153.472 notificações de contaminação pela doença, sendo que 96.739 casos foram descartados e 852 exames de RT-PCR seguem aguardando análise do Laboratório Central de Saúde Pública do Acre (Lacen) ou do Centro de Infectologia Charles Mérieux. Pelo menos 46.213 pessoas já receberam alta médica da doença, enquanto 287 pessoas seguem internadas.

Mais 2 notificações de óbitos foram registradas nesta quarta-feira, 24, sendo uma do sexo masculino e uma do sexo feminino, fazendo com que o número oficial de mortes por Covid-19 suba para 975 em todo o estado.

Óbito do sexo masculino:

Morador de Rio Branco, G. P. S. S., de 40 anos, deu entrada no dia 8 de fevereiro, no Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia do Acre (Into-AC), vindo a falecer nesta terça-feira, dia 23.

Óbito do sexo feminino:

Moradora de Rio Branco, H. F. V. M., de 72 anos, deu entrada no Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia do Acre (Into-AC), no dia 4 de fevereiro, vindo a óbito nesta terça-feira, 23.

Continuar lendo

Acre

“Cada um faz o que quer”, diz Cameli sobre Bolsonaro não usar máscara

Publicado

em

Em entrevista exclusiva ao ac24horas no final da manhã desta quarta-feira, 24 o governador Gladson Cameli, que sabe que precisa mais do que nunca do apoio do governo federal para superar as crises provocadas principalmente pelas enchentes e a Covid-19, fugiu de polêmica ao ser perguntado sobre ao mesmo tempo em que a pandemia é um dos maiores desafios enfrentados hoje pelo acreano, o presidente Jair Bolsonaro dispensa o uso de máscara, que é uma das principais orientações das autoridades de saúde para evitar o contágio pelo novo coronavírus.

“Cada um é maior de idade e sabe o que faz. O presidente Jair Bolsonaro tem essa linha de pensamento de não usar a máscara e eu respeito. A minha é de usar. O mais importante é todos nós nos unirmos para superar esse difícil momento”, afirmou Gladson.

O governador confirmou ainda que a partir do próximo dia 1º de março, dependendo do comportamento da pandemia nos próximos dias, entra em vigor a liberação do comércio com 20% da capacidade de atendimento e o lockdown nos finais de semana, inclusive com o fechamento dos supermercados.

Gladson também falou da conversa que teve com Jair Bolsonaro e ministros sobre a vacinação em massa no Acre. “Falei da importância da necessidade de vacinarmos a maioria da população. O Acre não é melhor do que nenhum estado, mas vivemos uma situação emergencial. É muita gente nos abrigos, que mesmo com toda a orientação não podemos garantir que não vamos ter ainda mais aumento de casos, afirma.

Assista a entrevista:

Continuar lendo

Acre

Bolsonaro se irrita com pergunta e encerra coletiva no Acre

Publicado

em

O presidente da República Jair Bolsonaro encerrou a entrevista coletiva que concedia à imprensa no Acre nesta quarta-feira, 24, antes do tempo, depois de ser questionado sobre recente decisão do Supremo Tribunal de Justiça (STJ) que pode atrasar o andamento do caso das ‘rachadinhas’, cujo seu filho, o senador Flávio Bolsonaro, é investigado por desvios na época em que ainda era deputado estadual no Rio de Janeiro.

Um correspondente do Estadão indagou o presidente sobre a decisão e, prontamente, Bolsonaro interrompeu dizendo: “acabou a entrevista!”. Em seguida, ele saiu com sua comitiva do local montado para a coletiva de imprensa e se dirigiu ao embarque pelos fundos do aeroporto da capital acreana.

O filho de presidente é acusado de desviar parte dos salários dos funcionários quando era deputado estadual, ocasionando na prática conhecida como “rachadinha”. O caso veio à tona em 2018, após relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) identificar movimentações suspeitas na conta bancária de Fabrício Queiroz, que era assessor de Flávio.

Bolsonaro visitou o Acre nesta quarta-feira para ver de perto os estragos provocados pelas enchentes de rios e igarapés, bem como a situação da pandemia de Covid-19, o surto de dengue e a crise migratória.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas