Conecte-se agora

Petecão diz que Governador do Acre usa até o Facebook para atacar adversários; Jorge Viana nega controle da imprensa

Publicado

em

O senador Sérgio Petecão (PMN-AC) solicitou à Mesa do Senado Federal proteção à sua integridade física e de sua família.

– O que acontecer comigo e com a minha família é de inteira responsabilidade das pessoas que hoje estão à frente do governo do Acre – afirmou o parlamentar nesta terça-feira (20) em Plenário.

Sérgio Petecão afirmou que o governador Tião Viana (PT) utiliza a mídia do estado, seus assessores e até sua página pessoal na internet “para tentar desmoralizar aqueles que ousam falar das mazelas que atingem a sofrida gente do Acre” e “para assacar inverdades e tentar macular a honra das pessoas”.

Em aparte, o senador Jorge Viana (PT-AC), irmão do governador, disse que “não há qualquer agressão do governador Tião Viana à democracia, quando ele estabelece o contraditório”. Ao pedir a palavra por ter sido citado por Sérgio Petecão em seu pronunciamento, Jorge Viana lamentou que o colega “tenha usado a tribuna e trazido para cá inverdades e agressões”.

Para Jorge Viana, o contraditório é parte da democracia, mas não “a mentira, a agressão, a invenção”. Disse ser “uma grande inverdade” dizer que há no Acre controle da imprensa. Admitiu que essa prática teria ocorrido no passado, quando eram com ela coniventes “os que hoje nos acusam”.

Em seu pronunciamento, Sérgio Petecão afirmou que foi seguido por carros não identificados em viagens pelo interior do estado, no último final de semana. Afirmou que pedia iniciativas para preservar sua integridade física, bem como a de seus familiares, para que não tenha o mesmo destino do ex-governador do Acre Edmundo Pinto, assassinado no exercício do mandato em um quarto de hotel em São Paulo, em 1992.

Sumiço

Sérgio Petecão disse que Tião Viana “não tem sabido aceitar qualquer crítica feita a seu governo” e afirmou que o líder do governo na Assembleia Legislativa “sugeriu a prisão de toda e qualquer pessoa que fosse pega lendo ou distribuindo reportagem publicada pela revista IstoÉ, na qual senador Jorge Viana foi destaque principal”. A reportagem, afirmou, “mostra a relação promíscua de alguns ex-governadores com empreiteiras trabalhando na rodovia BR 364, que consumiu R$ 2 bilhões nos últimos 12 anos e ainda não foi concluída”.

De acordo com Sérgio Petecão, “a edição inteira da revista desapareceu misteriosamente das bancas de revista”. Após o sumiço da revista, acrescentou, surgiram cópias da reportagem, que deixaram o governador “descontrolado e desesperado”.

– Tião Viana partiu para a baixaria e elegeu a mim como principal alvo de seu ódio – disse o representante do PMN, segundo o qual o governador do Acre o chamou de covarde e desonesto, além de insinuar que era o autor da matéria da IstoÉ.

Para Sérgio Petecão, “covarde é quem contrata analistas e blogueiros para espalhar inverdades sobre a vida das pessoas”. Sérgio Petecão disse ter concedido o aparte a Jorge Viana para que o colega “sentisse o gosto da democracia”, uma vez que não tem espaço na mídia do estado. De acordo com ele, Jorge Viana o acusa na imprensa e o impede de se defender.

Respeitabilidade

No aparte concedido por Sérgio Petecão, Jorge Viana afirmou que as acusações do colega não ecoavam entre os senadores porque Tião Viana construiu uma imagem de respeitabilidade na Casa. Ele completou que está se defendendo na Justiça das acusações feitas pela revista IstoÉ, mas que as cópias da reportagem que circularam pelo estado foram adulteradas e isso é crime.

Ao falar depois do colega, Jorge Viana disse que a administração do Acre é hoje “um exemplo para o Brasil” e que o estado vive hoje um clima de liberdade, já que o crime organizado foi derrotado. Ele lamentou que haja hoje “pessoas se fazendo de vítima, tentando chamar a atenção, para talvez esconder seus interesses, que não coadunam com os interesses do povo acreano e os interesses republicanos”.

Ouça o discurso de Petecão

Da Redação / Agência Senado

Anúncios
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Conectar

Deixe uma resposta

Acre

Carro fura pneu, capota e deixa seis pessoas feridas na BR-364

Publicado

em

Um grave acidente deixou seis pessoas feridas no final da tarde desse domingo, 17, após um veículo capotar nas proximidades do posto de fiscalização da Polícia Rodoviária Federal (PRF), na BR-364, em Rio Branco. Segundo a polícia, o condutor do carro trafegava no sentido Rio Branco-Porto Velho quando, ao tentar fazer uma ultrapassagem, o pneu do veículo estourou, vindo a capotar várias vezes. O carro foi parar em uma área de mata localizada às margens da BR.

Durante o capotamento, duas crianças que estavam no banco traseiro foram arremessadas para fora do carro. Populares que passavam pelo local, ao verem as pessoas feridas, as encaminharam à Unidade de Pronto Atendimento (Upa do 2° Distrito).

As seis pessoas receberam os primeiros atendimentos e em seguida as duas crianças, de 11 e 12 anos, que estavam mais feridas, foram conduzidas por uma ambulância do SAMU ao Pronto-Socorro de Rio Branco.

Policiais Rodoviários Federais estiveram no local e isolaram a área para os trabalhos de perícia, em seguida o veículo foi removido por um guincho.

Continuar lendo

Acre

No Acre, mais de 20 mil candidatos faltaram no 1º dia de Enem

Publicado

em

Em coletiva na tarde deste domingo, 17, após a realização do primeiro dia de Exame do Enem, o ministro da Educação, Milton Ribeiro, afirmou que a realização do exame em meio à pandemia foi “algo vitorioso”. O índice de abstenção ficou em 51,5%.

Embora seja preliminar, o número já indica o maior percentual de abstenção em toda a história do Enem. O maior índice havia sido registrado em 2009, com 37,7%. Em 2019, o índice do primeiro dia ficou próximo a 23%, segundo o ministro.

No Acre, segundo dados do Ministério da Educação, dos 40.674 inscritos, compareceram apenas 19.721, ou seja 48,5%. O Acre seguiu a média nacional, e registrou o maior índice de abstenção da história com 51,5%, registrando 20.953 faltosos.

O tema da redação do Enem 2020 foi ‘O estigma associado às doenças mentais na sociedade brasileira’. No Acre, a abertura dos portões ocorreu como nas edições anteriores: às 9h30 (horário local) até às 11h (horário local).

Em Rio Branco, a Prefeitura colocou 47 coletivos para realizar o transporte dos estudantes neste domingo (17). No Acre, 17 municípios foram escolhidos para aplicação das provas, dos quais foram escolhidos 148 locais de provas e 1.677 salas.

Continuar lendo

Acre

Polícia prende padrasto que estuprou enteada de 8 anos

Publicado

em

As polícias Civil e Militar do município de Mâncio Lima, prenderam em flagrante neste sábado, 16, um homem identificado por Antônio, que teria estuprado a enteada de apenas 8 anos de idade. Logo depois do estupro, sangrando muito, a garota foi levada ao hospital por parentes. O médico que a atendeu, desconfiou da situação e acionou a polícia, que prendeu o homem. O caso aconteceu na casa da própria família.

De acordo com o delegado José Obetânio, o exame de conjunção carnal confirmou o estupro. Como a garota está internada, deverá ser ouvida na segunda ou terça-feira, dia 18.

O homem já está no Complexo Penitenciário Manoel Neri em Cruzeiro do Sul. Na última quinta-feira, 14, outro estuprador foi preso em Mâncio Lima.

Continuar lendo

Acre

Acre registra mais um óbito e 146 novos casos da Covid-19

Publicado

em

A Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre) registrou neste domingo, 17, 146 novos casos de infecção por coronavírus, sendo todos resultados de exames de RT-PCR. O número de infectados subiu de 44.621 para 44.767 nas últimas 24 horas.

Até o momento, o Acre registra 126.532 notificações de contaminação pela doença, sendo que 81.319 casos foram descartados e 446 exames de RT-PCR seguem aguardando análise do Laboratório Central de Saúde Pública do Acre (Lacen) ou do Centro de Infectologia Charles Mérieux. Pelo menos 38.970 pessoas já receberam alta médica da doença, enquanto 136 pessoas seguem internadas.

Mais uma notificação de óbito foi registrada neste domingo, 17, sendo do sexo feminino, cujas iniciais são: M. S. S., de 75 anos. Moradora Epitaciolândia, a idosa deu entrada no dia 13 de janeiro, no Hospital Raimundo Chaar, em Brasiléia, vindo a falecer no dia seguinte, 14, fazendo com que o número oficial de mortes por Covid-19 suba para 836 em todo o estado.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas