Menu

Bocalom é denunciado ao TRE por abuso de poder econômico e campanha antecipada

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

O Tribunal Regional Eleitoral do Acre (TRE) nesta segunda-feira (1º) recebeu uma denúncia, que não teve o autor identificado, contra o prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom, por abuso eleitoral, abuso de poder econômico, condutas indevidas e campanha antecipada.


Conforme o documento enviado à Justiça Eleitoral, o prefeito da capital acreana tem realizado audiências públicas nos bairros como palanque político para promoção pessoal e da gestão.

Publicidade

O documento chama ainda o desfile de máquinas que vão atuar no programa “Asfalta Rio Branco” de “comício eleitoral disfarçado de obra pública”.


Em outro trecho da denúncia, o Sustentabilidade diz ainda que existem áudios e mensagens de textos atribuídas a Frank Lima, coordenador do gabinete de Bocalom, que convoca e intimida servidores públicos municipais para participar dos eventos.


A denúncia contra o gestor de Rio Branco foi atribuída à Rede Sustentabilidade. De acordo com o porta voz do partido no Acre, Inácio Moreira, o assunto está sendo discutido com o jurídico nacional e o partido pode reforçar a denúncia. “Nós encaminhamos para a nacional para que seja analisado, já que para entrarmos precisa ser a federação que somos nós e o PSOL e estamos aguardando o posicionamento”, diz Inácio.


O prefeito foi procurado pelo ac24horas na manhã de hoje e negou a campanha antecipada. “Isso é uma denúncia sem fundamento. Quem vai responder isso é o jurídico. Estamos fazendo o que toda gestão faz, mostrar as máquinas faz parte de qualquer gestão. Reunir a comunidade para discutir o que vai ser feito é normal. Eu não me preocupo com isso porque sei que estou fazendo tudo dentro da lei”, afirma Bocalom.



INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido