Menu

Detentos aceitam marmitas no jantar e encerram greve de fome em presídio de Rio Branco

INSTITUTO PRESIDIO PROFESSOR OLAVO OLIVEIRA 2; IPPOO II; IPPOO2; EDUCACAO; DETENTOS; PRESOS; PROVA; INCLUSAO; AULA NO PRESIDIO; CURSOS; FOTOS: ©DAVI PINHEIRO / GOV CEARA;
Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

A greve de fome que era mantida por 733 detentos da penitenciária Francisco de Oliveira Conde, em Rio Branco, desde a última segunda-feira, 2, foi encerrada no início da noite desta quarta-feira, 4, conforme informou o Instituto de Administração Penitenciária do Acre (Iapen) ao ac24horas.


Nesta noite, os detentos que estavam em greve aceitaram receber as marmitas da janta. Segundo a assessoria do Instituto, e o encerramento da greve aconteceu de forma espontânea e sem qualquer fato novo.

Publicidade

Os presos do bloco chamado Chapão exigiam melhorias nas condições oferecidos pelo sistema carcerário, como na alimentação oferecida pela empresa contratada; acesso aos serviços de saúde e medicamentos; entre outras. Familiares dos detentos disseram que a exigência mais urgente era a presença do diretor do IAPEN, o policial penal Alexandre Nascimento de Souza, para garantir o tratamento dos assuntos.


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido