Menu

Decisão sobre chapa Jorge/Jenilson deve sair apenas no final de semana

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

Na manhã desta quinta-feira, 21, dirigentes do PT, PV, PCdoB, PSB e PT, se reuniram na casa do presidente do Partido Social Brasileiro (PSB), ex-deputado federal César Messias, para dar andamento às tratativas da montagem da chapa majoritária com o ex-senador Jorge Viana ao governo e o deputado estadual Jenilson Leite ao senado da República, ou vice versa.


De acordo com Jenilson Leite, a reunião ocorreu com a presença da federação – montada, inclusive, a nível nacional e liderada pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e Geraldo Alckmin, ambos do PT e PSB. Contudo, apesar do “burburinho”, ainda não houve um desfecho por parte do grupo da ala da esquerdista do Acre. “Foi uma reunião com a federação. A conversa tem o objetivo de fazer a aliança. Mais nada definido”, comentou a reportagem do ac24horas no início da tarde de hoje.

Publicidade

O parlamentar, atualmente pré-candidato ao governo, admitiu a possibilidade de recuar para concorrer ao Senado da República com JV disputando o governo – desejo do bloco de esquerda há um bom tempo. *Dessa vez, houve disposição dele em disputar o governo. A gente precisa avançar em que termos podemos fazer essa aliança. Há esse indicativo de ele ir ao governo e eu ao Senado”, declarou.


Jenilson afirmou que a definição da chapa majoritária da federação deve ser concretizada até o fim de semana. “Até o fim de semana a gente define essa situação. Para uma candidatura majoritária, temos que ter uma aliança, nome, e estrutura. E hoje percebemos que pode acontecer e a gente tá discutindo essa composição”, revelou.


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido