Conecte-se agora

No Acre, BR-364 é contemplada no Edital da internet 5G; BR-317 fica de fora

Publicado

em

Em análise pelo Tribunal de Contas da União (TCU), a proposta de edital do leilão do 5G, traz uma série de obrigações que as operadoras de celular vencedoras do certame terão de cumprir como contrapartida, entre as quais o fornecimento de internet móvel em rodovias federais.

O Acre, que tem duas rodovias federais: BR 317 e 364, foi contemplado no edital do 5G apenas com a BR-364, que liga Cordeirópolis-SP a Mâncio Lima/AC. A BR-317 ficou de fora.

A BR-364, que tem quase 700km de extensão no Acre, corta as cidades de Rio Branco, Bujari, Sena Madureira, Manoel Urbano, Feijó, Tarauacá, Rodrigues Alves, Mâncio Lima e Cruzeiro do Sul, ou seja, essas localidades seriam as primeiras contempladas com o sinal de qualidade.

Segundo a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), a proposta prevê que as operadoras terão de ofertar sinal de internet 4G em aproximadamente 27 mil quilômetros de rodovias federais que atualmente não contam com a tecnologia. O prazo é até 2029, com 50% dos trechos indicados no edital cobertos até 2025.

As rodovias selecionadas para receber o sinal foram consideradas estratégicas para o transporte de passageiros e para o escoamento da produção agropecuária. A seleção foi feita pelo Ministério das Comunicações, com o apoio da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

Segundo a Anatel, o levantamento considerou os trechos de rodovias federais pavimentadas e não coincidentes com outras rodovias federais ou estaduais.

Ao todo, foram considerados 53.930 km de rodovias, dos quais 22,6 mil km já possuem cobertura móvel com tecnologia 4G.

Acre 01

Com velas e cruzes, manifestantes dizem que Bolsonaro está chicoteando o povo na pandemia

Publicado

em

A manifestação realizada na tarde deste sábado (19), em Rio Branco, para protestar contra o governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) chegou ao Palácio Rio Branco e deve contar com uma série de atividades culturais.

Durante o ato os manifestantes resolveram acender velas e pôr cruzes em memória as quase 500 mil mortes ocasionadas pelo coronavírus.

Revoltado com o cenário atual do país o ativista social, Francisco Panthio, declarou que o presidente Jair Bolsonaro não tem condições de comandar o país. “É na pandemia que o Bolsonaro está chicoteando o povo mais pobre, aumentando a gasolina, o gás, os alimentos e a energia elétrica”, ressaltou.

A organizadora do evento, Iwlly Cristina, contou que o ato é contra as recentes ações do governo federal. Segundo ela, a manifestação terá atrações culturais, como música, poema e teatro.

O ato, que é pacífico, ocorre em todo o país. O grupo é formado pela classe estudantil, universitários, movimentos sociais e agremiações de partidos da Esquerda e protestam em defesa da vacinação contra a Covid-19.

No Acre, esta é a sexta manifestação contra o presidente. Na ocasião, eles voltaram a pedir o impeachment do militar, e protestaram contra a alta dos preços dos combustíveis e dos alimentos.

O movimento ‘fora, Bolsonaro’, segundo a Central Única dos Trabalhadores, se manifesta também pelo auxílio de R$ 600, contra a miséria, mais investimentos no Sistema Único de Saúde (SUS) e por geração de empregos.

Continuar lendo

Acre 01

Acre registra quase 800 novos contaminados e 28 mortes por Covid-19 nos últimos 7 dias

Publicado

em

O estado do Acre registra neste sábado, 19, o acúmulo de 773 novos contaminados pelo novo coronavírus nos últimos sete dias. Em uma semana, também foram somadas 28 mortes por complicações da Covid-19. Segundo a secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre), só neste sábado foram confirmados 67 casos confirmados por exames RT-PCR, 58 por testes rápidos e 2 por critério clínico epidemiológico. O número de infectados saltou de 84.687 para 84.812 nas últimas 24 horas.

Mais 1 notificação de óbito foi registrada neste sábado, sendo o mesmo do sexo masculino, fazendo com que o número oficial de mortes por Covid-19 suba para 1.729 em todo o estado. O óbito referente ao morador de Rio Branco, P. G. M., de 82 anos, deu entrada no dia 5 de junho, no Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia do Acre (Into-AC), vindo a falecer no dia, 18.

Até o momento, o Acre registra 227.589 notificações de contaminação pela doença, sendo que 142.657 casos foram descartados e 120 exames de RT-PCR seguem aguardando análise do Laboratório Central de Saúde Pública do Acre (Lacen) ou do Centro de Infectologia Charles Mérieux. Pelo menos 79.259 pessoas já receberam alta médica da doença, enquanto 132 pessoas seguem internadas até o fechamento deste boletim.

Continuar lendo

Acre 01

Gladson assina ordem de serviço para construção do Centro Integrado de Meio Ambiente em Feijó

Publicado

em

Foto: Diego Gurgel/Secom

O governador Gladson Cameli (Progressistas) assinou nesta quinta-feira (17) a ordem de serviço para a construção do segundo Centro Integrado de Meio Ambiente no município de Feijó, no interior do Acre.

Além estrutura será a primeira edificação autossustentável construída no estado, vários serviços ambientais serão ofertados para a população do Vale do Tarauacá-Envira e Manoel Urbano, a terceira região mais habitada do Acre.

O governo destacou que a obra está orçada em R$ 2,8 milhões e é financiada pela fase II do Programa de Desenvolvimento Sustentável do Acre (PDSA), do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

Cameli reforçou que o governo prega pela preservação do meio ambiente. “Ao mesmo tempo, dar a segurança necessária para o desenvolvimento do nosso estado. O centro vai facilitar a vida dos produtores rurais e ajudar as fiscalizações contra quem insiste em desobedecer às leis ambientais”, ressaltou.

Israel Milani, secretário de Meio Ambiente, afirmou que toda energia consumida no prédio será produzida por placas fotovoltaicas. “A água vai ser retirada do poço e reaproveitada. É uma importante conquista para a população que vive na região central do estado, bem como para a questão ambiental”, argumentou.

O Centro Integrado reunirá ações da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), Instituto de Meio Ambiente do Acre (Imac) e Instituto de Terras do Acre (Iteracre). A partir de outubro, processos de emissão de licenciamentos ambientais, regularização fundiária, outorga de água, Cadastro Ambiental Rural (CAR) e Programa de Regularização Ambiental (PRA) serão oferecidos em Feijó. Atualmente, esses serviços são realizados somente em Rio Branco.

Continuar lendo

Acre 01

Menos de 70 pessoas entre 50 e 59 anos procuraram a vacina na manhã de hoje no Sesi

Publicado

em

A vacinação para o público em geral contra a Covid-19 que tenha entre 50 e 59 anos teve baixa procura na nova fase da campanha que começou nesta quarta-feira, 16, no Ginásio do Sesi, localizado no Manoel Julião, em Rio Branco. O local também vem sendo utilizado para a vacinação dos trabalhadores da indústria e da construção civil que tenham entre 18 e 59 anos.

O videomaker do ac24horas, Whidy Melo, acompanhou a movimentação no local. Segundo informações repassadas pela equipe da secretaria municipal de saúde, 62 pessoas do grupo de 50 a 59 anos foram vacinadas até às 11h24 de hoje. A vacinação segue até às 16 horas para ambos os públicos.

O ambiente foi dividido pela secretaria em dois espaços. Do lado direito, os integrantes da construção civil podem ser vacinados sem restrição de idade, ou seja, dos 18 aos 59 anos. A categoria compõe a 4º fase de vacinação do Ministério da Saúde. Do lado esquerdo, a vacinação é para a população em geral que tenha entre 50 a 59 anos.

De acordo com informações recebidas pela reportagem, a vacinação do grupo de 50 a 59 anos ocorre de forma célere pela baixa procura da população, já o público da construção e indústria de 18 a 59 anos, espera até uma hora na fila para receber a primeira dose contra a Covid-19.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas