Conecte-se agora

Setor de serviços do Acre é o que mais cresceu no Brasil, diz IBGE

Publicado

em

Puxado pelas contratações públicas, o setor de serviços no Acre apresentou crescimento de 7,2% em setembro, o maior do Brasil no período em comparação ao mês anterior. Os dados foram divulgados nesta terça-feira (12) pelo IBGE.

Quando se compara setembro de 2019 com setembro de 2018 o resultado é negativo: -0,4%, explicado pelo enxugamento do serviço público.

No País, o setor de serviços teve crescimento de 1,2% em setembro frente a agosto, na série com ajuste sazonal. Na série sem ajuste sazonal, em relação a setembro de 2018, o volume de serviços subiu 1,4%, quinta taxa positiva não sequencial no ano. O acumulado no ano foi de 0,6%. Em termos trimestrais, observou-se crescimento de 0,6% no terceiro trimestre deste ano, quinto resultado positivo seguido neste tipo de confronto, com ganho de dinamismo frente a abril-junho de 2019 (0,1%), todas as comparações contra iguais períodos do ano anterior.

 

Destaque 6

Governo prorroga restrições à entrada de estrangeiros no Brasil

Publicado

em

O Governo Federal editou nesta quinta-feira (24) nova portaria que dispõe sobre a restrição excepcional e temporária de entrada no País de estrangeiros, de qualquer nacionalidade, conforme recomendação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

A portaria prorroga medidas já adotadas em relação à Covid-19 quanto ao ingresso no Brasil por estrangeiros com origem ou passagem por África do Sul, Índia e Reino Unido.

As proibições decorrem do impacto das novas variantes do coronavírus identificadas inicialmente nesses países.

A imposição de restrições à entrada de estrangeiros oriundos do Reino Unido e Irlanda do Norte está em vigor desde dezembro 2020. Os da África do Sul, desde janeiro deste ano. Às restrições relacionadas à Índia foram impostas em maio.

A portaria também mantém as proibições de entrada no Brasil, por meio terrestre ou aquaviário, de estrangeiros de qualquer origem, com algumas exceções – como o Paraguai. (Com G1).

A nova portaria pode ser acessada aqui: https://www.in.gov.br/en/web/dou/-/portaria-n-655-de-23-de-junho-de-2021-327674155

Continuar lendo

Destaque 6

Cai o ministro Ricardo Salles, do Meio Ambiente

Publicado

em

O presidente Jair Bolsonaro exonerou o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles. A exoneração foi publicada no “Diário Oficial da União” e informa que a exoneração foi a pedido de Salles.

No mesmo decreto, Bolsonaro nomeou Joaquim Alvaro Pereira Leite como novo ministro do Meio Ambiente.

A gestão de Ricardo Salles no Ministério do Meio Ambiente foi marcada por uma série de polêmicas.

Uma dessas polêmicas, por exemplo, envolve a reunião ministerial de 22 de abril de 2020. Na reunião, Salles sugeriu a Bolsonaro que o governo aproveitasse a pandemia da Covid-19 para “ir passando a boiada”, alterando regras ambientais.

Ricardo Salles também é alvo de inquérito, autorizado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) a pedido da Procuradoria Geral da República (PGR), por supostamente ter atrapalhado investigações sobre apreensão de madeira.

A suspeita foi apresentada pela Polícia Federal. Salles nega ter cometido irregularidades.

Continuar lendo

Destaque 6

Gladson diz que buscará solução junto ao Peru sobre estrada

Publicado

em

O imbróglio que envolve a construção de uma estrada para ligar Brasil e Peru através dos estados do Acre e Ucayali, chega agora aos cuidados do Palácio Rio Branco. O governador Gladson Cameli também vai tomar para si a proposta de unir ambos os estados com promessas de alavancar a economia no Vale do Juruá e na Amazônia peruana. Após o governo peruano sinalizar que não está disposto a fazer a construção, o senador Márcio Bittar (MDB) ganha apoio de Cameli na luta pela estrada.

“Não pode parar por uma questão do Peru, o que nós temos que fazer é tentar identificar onde está o gargalo, até porque é estranha essa posição deles [governo peruano], muito estranho esse posicionamento. O quê uma estrada vai trazer de prejuízo para os dois países?”, indagou em entrevista ao ac24horas.

Segundo Cameli, o projeto ainda não foi elaborado, e o que se tem atualmente em abundância são especulações de oposicionistas de que a estrada vai passar por dentro de reservas, de parques. “Nada disso vai ser feito, vai ser um planejamento com as regulamentações, com as leis, mas quando um não quer, dois não brigam. Não adianta o Brasil gastar dinheiro nessa situação, até porque quem for financiar essa estrada não vai querer dessa forma [impasse”, esclarece.

De acordo com o governo acreano, o estado de Ucayali, no Peru, que faz divisa com o Acre, era o maior incentivador para a abertura da estrada. “Vou amanhã [quinta-feira, 24] a Brasília procurar Márcio [Bittar] para juntos sabermos como vamos agir. Da nossa parte vamos fazer o que tiver de fazer, respeitando o meio ambiente. É interesse, sim, do governo do estado [a estrada], está em nosso planejamento”, garante Cameli.

Encontro no Peru

Gladson Cameli revelou que já estava previsto um encontro e que irá solicitar uma agenda com as autoridades peruanas para ver realmente o que ocorre. “Pretendo sim ir lá [ao Peru], bater na porta, e que eles me digam realmente se não têm interesse”, afirma.

O governador concorda com os cuidados em relação aos parques e reservas ambientais e que jamais o governo chegaria com uma máquina dentro de uma reserva. “Temos leis para serem respeitadas. Tenho muita cautela nesse assunto, mas ao mesmo tempo temos o estado de direito, com direito de ir e vir. A engenharia está para dar caminhos alternativos, que seria via Porto Walter, Marechal Thaumaturgo, mas claro que o custo da obra iria aumentar”.

Por fim, Gladson assegura querer realmente ouvir do governo peruano a sobre a construção da estrada. “Porque ninguém vai financiar ou entrar com recursos sabendo que o outro lado não quer”, finalizou.

Continuar lendo

Destaque 6

Após negativa do Peru em abertura de estrada, Bittar diz que Marina, Jorge e ONG’s estão felizes

Publicado

em

Após o governo peruano anunciar que se coloca contra a construção de uma estrada que ligaria o país ao Brasil por meio de parques nacionais, o senador do Acre, Márcio Bittar (MDB), um dos maiores entusiastas do projeto, lamentou nesta quarta-feira, 23, a negativa do país vizinho e ironizou o posicionamento de políticos e entidades locais que também se manifestaram contra a construção da estrada.

“Essa noticia deve deixar muito feliz a Marina Silva, que se colocou contra a estrada, Jorge Viana, Edvaldo Magalhães, as Ong’s financiadas com dinheiro da Noruega, essa turma deve estar muito feliz. Mas eu não, eu fico triste. É uma visão absolutamente equivocada, anticristã”, declarou ao ac24horas.

Para o senador, qualquer lugar do mundo que prosperou foi porque aproveitou os recursos naturais, o potencial da agricultura, agronegócio, minério, petróleo, carvão e gás. “A persistir nessa realidade, a parte mais pobre do Peru continuará sendo a Amazônia peruana e a parte mais pobre do Brasil continuará sendo a Região Amazônica”.

Bittar também reclama que a diversidade de leis ambientais que existem praticamente impedem que o homem trabalhe e prospere no Acre e na Amazônia. “A falta de obras de infraestrutura como, permanecendo assim, estaremos eternizando a pobreza, não só no estado, mas na Amazônia brasileira”, afirma.

Apesar do posicionamento peruano, o senador acredita que “os ventos ainda possam mudar”. “O governo do Acre e de Ucayali, estados que fazem divisa, ainda têm o que fazer. Eu estou fazendo o que é possível, mas não posso fazer sozinho. Se o Peru não quer, não vai ter estrada. O governo peruano já está declarando que não quer, então o governo brasileiro pode até conversar com o governo peruano, mas já é uma coisa muito difícil, uma interferência indevida”, lamenta.

O ministro do Meio Ambiente do Peru, Gabriel Quijandría, advertiu em conferência com a Associação de Imprensa Estrangeira no Peru (APEP), que a infraestrutura pode incentivar o desmatamento ilegal e o tráfico de drogas que já afeta o local, este seria um dos motivos para se posicionar de forma contrária à abertura da estrada.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas