Conecte-se agora

Açudes do Acre podem apresentar riscos e exigem atenção

Publicado

em

Com a tragédia de Brumadinho, em Minas Gerais, o tema segurança das barragens volta à tona em todo o Brasil. Há dados que podem ser lembrados: Segundo o Relatório de Segurança de Barragens 2017, produzido pela Agência Nacional de Águas (ANA), existem 58 barragens cadastradas no Instituto de Meio Ambiente do Acre (Imac). Dessas, 21 apresentavam risco para ocorrência de acidentes. O Imac, órgão que forneceu as informações do Relatório de Segurança de Barragens, produziu série de normativas visando adequar as barragens, aqui conhecidas como açudes, aos padrões de segurança.

O Relatório de Segurança de Barragens 2017 tem 84 páginas e foi divulgado no fim de 2018. No período coberto pelo relatório foram identificados 14 episódios de acidentes e incidentes, sem vítimas fatais em todo o País. Há poucas informações sobre acidentes envolvendo açudes no Acre.

No país há um cadastro que reúne 24.092 barragens para diferentes finalidades, como acúmulo dde rejeitos de minérios ou industriais e para geração de energia. Porém, os técnicos calculam que o número de represamento artificiais espelhados pelo país seja pelo menos três vezes maior. De acordo com a ANA, a quantidade exata só será conhecida quando os órgãos e entidades fiscalizadoras cadastrarem todas as barragens sob sua jurisdição. Das 24.092 barragens registradas, 3.545 foram classificadas pelos agentes fiscalizadores segundo a Categoria de Risco (CRI) e 5.459 quanto ao Dano Potencial Associado (DPA). Das barragens cadastradas, 723, o equivalente a 13%, foram classificadas simultaneamente como de CRI e DPA altos. No Acre não há classificação para DPA.

Destaque 7

Acisa comemora decisão do governo em não cobrar diferença do ICMS de mercadorias

Publicado

em

A Associação Comercial, Industrial, de Serviço e Agrícola do Acre (Acisa) e a Associação dos Distribuidores Atacadistas do Acre (Adacre), divulgaram nota, agradecendo ao governo do Estado por atender solicitação da classe empresarial e dispensar a cobrança da diferença do ICMS, das mercadorias que em estoque.

De acordo com a nota, “nesse momento de desaquecimento do comércio, com a alta da inflação e perda do poder de compra, a sensibilidade do governo se faz muito necessária, a fim de diminuir prejuízos e consequente desemprego”.

Marcello Moura, presidente da Acisa, destaca ainda que “essa conquista se dá pelo bom censo dos agentes públicos, em ouvir os anseios do setor privado”.

As alterações tributárias previstas na Lei Complementar nº 422/2022, referentes às alíquotas do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), passando de 17% para 19%, valem a partir do dia 1⁰ de abril.

Com isso, seria exigido dos empresários complementação do imposto sobre os estoques das mercadorias que circulam com o valor retido até 31 de março.

“A classe empresarial estará sempre disponível para unir forças e construir um ambiente econômico cada vez melhor, visando o fortalecimento da economia acreana”, afirma Marcello Moura.

Continuar lendo

Destaque 7

Traficante que trocou tiro com polícia morre e 100 kg de drogas são apreendidos no Acre

Publicado

em

Uma operação do Grupo Especial de Fronteira (GEFRON) com o apoio do BOPE e dos Policiais do 5° Batalhão resultou na morte do traficante Bruceleide Alves de Lima, de 40 anos, e também na apreensão de 100 kg de drogas e uma arma fogo na tarde desta quarta-feira, 22, em um local chamado de Cachoeira no Rio Acre, na região de Brasiléia, no interior do Acre.

As forças de segurança receberam informações que na região da Cachoeira havia uma rota de tráfico de drogas pelo Rio Acre e durante o patrulhamento os Policiais se depararam com uma embarcação, tipo voadeira, com dois indivíduos no barco. Foi dada voz de parada e os dois criminosos desobedeceram. Durante a fuga pelo Rio Acre, o traficante Bruceleide chegou a efetuar vários tiros na direção da embarcação dos Policiais que revidaram e conseguiram atingir o criminoso com um tiro. Bruceleide caiu nas águas do Rio Acre e o seu comparsa que não foi identificado conseguiu estacionar o barco às margens do Rio e fugir por uma área de mata. Os policiais retiraram Bruceleide do Rio e perceberam que o traficante já estava morto.

Ao entrarem no barco, os Policiais encontraram 100 kg de entorpecentes em barras. O corpo foi colocado dentro da embarcação com as drogas e encaminhado até o Porto do bairro Benfica, pelo Rio Acre, em Rio Branco.

A Polícia Militar e a Polícia Civil estiveram no local e a área foi isolada para os trabalhos do perito. O corpo foi removido e encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para os exames cadavéricos.

O entorpecente foi levado até a Divisão Especializada de Investigação Criminal (DEIC) para os devidos procedimentos.

Na mesma operação, uma equipe do Serviço de Inteligência da Segurança Pública do Acre, depois de uma investigação conseguiu encontrar a casa dos traficantes em uma área de fronteira que fica entre o Acre e a Bolívia. No local foi encontrado mais drogas e um fuzil calibre 22 com várias munições intactas.

Continuar lendo

Destaque 7

Jogador acreano assina com time da 2ª divisão da Croácia

Publicado

em

O atacante acreano Rodrigo Silva Lima, conhecido nos gramados como Digão, foi um dos destaques da inédita conquista do Humaitá do Campeonato Acreano em 2022. Nesta terça-feira, 21, o atacante, nascido em Rio Branco, e que tem apenas 24 anos, deu um passo importante na carreira.

Digão assinou contrato com o NK Jadran Porec, da segunda divisão da Croácia. Com passagens por equipes do futebol acreano como Galvez, Rio Branco, Atlético e Humaitá, o acreano acredita que vai conseguir um salto de qualidade em sua carreira. “A Brazilian Exporter que é a empresa que cuida da minha carreira conseguiu essa oportunidade e estou muito feliz, já que jogar uma grande liga é o sonho de todo o atleta. Estou feliz e empolgado”.

A equipe com a qual Digão assinou contrato tem uma relação de parceria com o Istra 61, que disputa a primeira divisão croata e que costuma buscar jogadores no clube do jogador acreano, o que pode abrir novas possibilidades em sua carreira.

Este é o segundo ano de Digão no país da Europa Oriental com boas perspectivas. “Ano passado joguei a terceira divisão e apesar de ter sido prejudicado por conta de uma lesão, os bons jogos que ainda consegui fazer despertaram a atenção de outros clubes e agora estou muito animado com a nova possibilidade no NK Jadran Porec”, afirma Digão.

Continuar lendo

Destaque 7

Oito municípios lideram expansão da soja no Acre em 2023

Publicado

em

Até 2020 só existiam plantios de soja em Plácido de Castro, Capixaba e Rio Branco mas em 2023 são oito municípios produzido o grão no Acre: Além dos três pioneiros, Acrelândia, Porto Acre, Senador Guiomard, Xapuri e Epitaciolândia também adotaram o cultivo -um avanço de 166% em três anos.

A evolução da área plantada em poucos anos impressiona: em 2019 eram 1.660 hectares plantados em soja e em 2023 são 11.395h.

A concentração de áreas cultivadas ocorre em Plácido de Castro e Capixaba, que juntos cultivam 6,3 mil hectares. Os outros seis plantam 5.095 hectares, segundo o Levantamento Sistemático da Produção Agrícola (LSPA) do IBGE.

Assim, Plácido e Capixaba somam 23% das áreas cultivadas levando em conta o total plantado.

Segundo o IBGE, a soja será o carro-chefe da safra de cereais e leguminosas este ano ano no Acre, com um crescimento previsto de mais de 73 em comparação à colheita anterior. A produção do grão está estimada em 38,7 mil toneladas este ano.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas