Menu

Defesa Civil pede reforço no isolamento do Calçadão da Gameleira: “correnteza traiçoeira”

Foto: Whidy Melo/ac24horas
Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

O coordenador da Defesa Civil de Rio Branco, tenente-coronel Cláudio Falcão, pediu que a população se mantenha afastada dos pontos de alagamento e anunciou o reforço do isolamento no Calçadão da Gameleira neste sábado, 2.


Em entrevista ao Jornal do Acre, da Rede Amazônica, Falcão apontou para a visita de crianças, idosos, e transeuntes em geral, no Calçadão da Gameleira, que se aventuram na travessia da água. “Aqui a correnteza é muito forte e não se vê mais onde termina o calçadão e onde começa o rio, então a situação é traiçoeira. Nos outros pontos também, a população tem que evitar andar nos alagamentos, tem o risco de choque elétrico, de cair em bueiros, e vamos lembrar também que essa cheia já deixou vítimas”, disse.

Publicidade

O rio Acre em Rio Branco voltou a subir após uma estabilização entre as medições das 6h e das 9h, quando mediu 17,52m. Na medição das 12h deste sábado (2), o leito do rio alcançou 17,54m.


Segundo o tenente-coronel Cláudio Falcão, da Defesa Civil de Rio Branco, o que não para de subir é o número de famílias desalojadas ou desabrigadas, que já passa de 650. “A previsão é de termos uma estabilidade amanhã, domingo, o que não significa que ele possa voltar a ter um aumento depois. Da maneira que o rio se comporta, não temos uma expectativa de ele atingir os 18,40m, que é a marca histórica de 2015”, disse.


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido