Conecte-se agora

Mesmo com autorização, Dom Joaquín mantém missas online

Publicado

em

O governo, via Secretaria de Segurança Pública, afirmou nesta quarta-feira, 3, que as igrejas não estão proibidas de realizar celebrações com a presença de fiéis. A determinação é que apenas 20% da capacidade dos templos seja ocupada.

A maioria das igrejas que já havia anunciado a suspensão das atividades presenciais, voltou atrás após o comunicado do governo. A Igreja Católica, no entanto, vai manter a decisão de realizar as missas sem a presença de público.

O ac24horas teve acesso a uma comunicação enviada pelo Bispo Dom Joaquín Pertiñez aos padres, onde diz que não seria coerente um dia dizer uma coisa é fazer outra no dia seguinte. Nesta última terça-feira, 2, o Bispo divulgou um comunicado duro onde afirma que o crescimento da pandemia foi resultado da falta de fiscalização e da irresponsabilidade de quem promove aglomeração e não usa máscaras.

Leia o comunicado de Dom Joaquín aos padres:

Boa tarde!

Estamos em bandeira vermelha, conforme foi publicado no decreto do governo.

Nossa posição, em obediência ao decreto, foi suspender as celebrações das missas.
Portanto, nossa posição está valendo até o novo decreto do dia 19.

Não está certo, nem demonstraria coerência da nossa parte, um dia dizer uma coisa e no dia seguinte outra…

Que o nosso sacrifício, oferecido ao Pai, seja em expiação, e como intercessão pelos que estão sofrendo, vítimas desta pandemia.

Mantenhamos a unidade e a comunhão entre nós.

Que ninguém possa atentar contra esses valores, que todos devemos defender.
E, acima de tudo, nossa defesa pela vida!

Minhas orações e minha benção para todos!

Um abraço.

Anúncios

Bombando

Anúncios

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas