Conecte-se agora

Sars CoV-2 é capaz de infectar tecido adiposo, uma das razões de casos graves em obesos e idosos, aponta estudo

Publicado

em

Estudo coordenado por pesquisadores da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) sugere que os tecidos adiposos são suscetíveis à infecção pelo Sars CoV-2. Essa seria uma das razões da maior evolução de casos graves de Covid-19 em obesos e idosos.

“Temos células adiposas espalhadas por todo o corpo e os obesos as têm em quantidade e tamanho ainda maior. Nossa hipótese é a de que o tecido adiposo serviria como um reservatório para o SARS-CoV-2”, explica Marcelo Mori, professor do Instituto de Biologia (IB) e coordenador da pesquisa.

“Com mais e maiores adipócitos, as pessoas obesas tenderiam a apresentar uma carga viral mais alta. No entanto, ainda precisamos confirmar se, após a replicação, o vírus consegue sair da célula de gordura viável para infectar outras células”.

Os experimentos são feitos em laboratório com o apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp). Outro ponto, de acordo com o estudo, é que a infecção na célula de gordura é mais eficiente quando ela está mais envelhecida – os cientistas usaram radiação ultravioleta para “mudar a idade” das células. Ao medir a carga viral 24 horas depois, ela estava três vezes maior, o que sugere a gravidade em pacientes idosos.

“Usamos a radiação UV para induzir no adipócito um fenômeno conhecido como senescência, que ocorre naturalmente com o envelhecimento. Ao entrarem em senescência, as células expressam moléculas que recrutam para o local células do sistema imune. É um mecanismo importante para proteger o organismo de tumores, por exemplo”, explica Mori.

É importante ressaltar que o estudo ainda não foi publicado e deverá ser ampliado pelos pesquisadores. Outros fatores contribuem para uma maior suscetibilidade de casos graves em idosos e obesos, como o fato de serem mais acometidos por doenças crônicas, diabetes, hipertensão, por exemplo.

*Com informações da Agência Fapesp.

Cotidiano

Carro clonado com chassi do Espírito Santo é apreendido no Acre

Publicado

em

A Polícia Civil apreendeu no final da tarde dessa terça-feira,29, no município de Capixaba, um veiculo marca Honda, modelo Civic, com Chassi adulterado e placas de Vila Velha, cidade do Espírito Santo.

O veículo estava com J. V. G. de 38 anos. A equipe de investigação realizou pesquisa veicular e constatou que o carro apresentava algumas inconsistências. A Polícia Civil entrou em contato com o proprietário em Brejetuba/ES e de acordo com o dono, o veículo dele estava em sua posse.

O carro de Capixaba foi visto num posto de combustíveis, onde foi abordado e levado para delegacia.

Ao verificar o chassi do veículo, ficou constatado a adulteração. O carro foi conduzido para a delegacia para procedimento praxe e em conformidade com a legislação foi arbitrado fiança de R$ 5.500,00 (cinco mil e quinhentos reais). Após pagamento, o investigado foi liberado e irá responder o processo em liberdade.

O carro será encaminhado à perícia e a investigação deve continuar no sentido de descobrir a origem verdadeira do veículo.

Continuar lendo

Cotidiano

Incêndio em Xapuri foi bem controlado e não houve danos a residências

Publicado

em

A tenente BM Laiza, comandante do 8º Batalhão, sediado em Xapuri, informou na manhã desta quarta-feira (22) que a queimada urbana que atingiu uma área de vegetação próxima ao aeródromo da cidade e da própria sede do Corpo de Bombeiros na cidade, no dia anterior, foi controlado sem chegar a causar danos materiais.

De acordo com a militar, o fogo começou por volta das 18h30 horas desta terça-feira (21), nas imediações de onde está o bairro Mutirão, uma das primeiras concentrações de residências para quem chega a Xapuri, tendo sido inicialmente controlado. No entanto, as chamas voltaram a ter intensidade momentos depois.

De acordo com a comandante, os bombeiros fizeram o combate inicial exatamente nos pontos mais próximos às residências e às instalações do batalhão, onde já haviam sido feitos os chamados “aceiros” para evitar o avanço das chamas rumo a edificações, e ainda na margem da Estrada da Borracha.

Ainda de acordo com a tenente Laiza, apesar de ainda haver muito fogo na região atingida por volta das 21h30 da noite, o incêndio já estava sendo controlado neste horário pela guarnição de plantão e por volta das 22h30 a situação já era tranquila na área que costuma ser alvo de incêndios provocados todos os anos.

Essa foi a maior queimada urbana registrada em Xapuri desde o começo da temporada do fogo. O município tem, até a última atualização do programa Queimadas, 303 focos de calor detectados pelo satélite de referência do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) desde janeiro.

Continuar lendo

Cotidiano

PM conhecido por ações sociais denuncia perfil fake em seu nome que vende armas de fogo

Publicado

em

Derineudo Souza é um Policial Militar acreano bastante conhecido em todo o estado pelas ações de solidariedade que realiza. Coordenando um grupo de pessoas que apostam na ajuda a quem mais precisa para melhorar a vida de todos, já conseguiu construir casa, comprar equipamentos, sempre contando com uma grande rede de solidariedade.

Ainda assim, Derineudo não conseguiu escapar de ser vítima de fake news. O PM denuncia a criação de uma perfil falso em uma rede social, onde foi colocada uma foto sua e o golpista anuncia que o militar estaria vendendo uma arma.

O policial foi alertado por amigos das redes sociais, cuja arma foi oferecida. “O perfil é falso, não tem nenhum amigo e foi criado do dia 20 para o dia 21 de setembro. Quero deixar claro que essa pessoa não sou eu e já estou tomando as devidas providências para que essa pessoa seja responsabilidade”.

Derineudo gravou um vídeo em uma delegacia, onde registrou um Boletim de Ocorrências, e pede que as pessoas não respondam ao perfil falso e apenas denunciem.

Continuar lendo

Cotidiano

Devido ao calor, prefeitura suspende vacinação no drive-thru por tempo indeterminado

Publicado

em

A Secretaria de Saúde de Rio Branco (Semsa) informou que decidiu suspender a vacinação no drive-thru, montado em frente ao 7º BEC. A suspensão passa a valer a partir desta quarta-feira, 22.

De acordo com o comunicado, divulgado pela assessoria de comunicação da prefeitura de Rio Branco, o motivo da suspensão da vacinação no local ocorre devido ao calor. As altas temperaturas climáticas podem ocasionar estrago nos imunizantes.

O órgão de saúde destacou que a aplicação da segunda dose da Coronavac e da AstraZeneca, que eram aplicadas no drive-thru, vão se disponibilizadas na Urap Eduardo Assmar, na Rua Júlio Camilo de Oliveira, 149, bairro Quinze.

“O motivo se dá em virtude do calor excessivo em Rio Branco e pelos atendimentos serem realizados nas tendas que cobrem o local. Com isso, a alta temperatura pode comprometer a integridade dos imunizantes”, diz trecho da nota.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas