Conecte-se agora

Salgueiro usa ‘black face’ em integrantes da escola e provoca polêmica na internet

Publicado

em

O Salgueiro, quarta escola no Grupo Especial do desfile de segunda-feira, entrou na Avenida com o enredo “Senhoras do Ventre do Mundo” para celebrar a história da mulher negra. Um quesito, porém, pode colocar a agremiação no centro de uma polêmica: a “black face”. Integrantes da bateria e da comissão de frente entraram na Marquês de Sapucaí maquiados para que todos se pareçam negros, uma prática usada no século XIX por atores brancos para representar negros, que eram proibidos de participar de peças teatrais, e que hoje é reconhecido como racismo.

“É impossível que não tenha tido uma pessoa com bom senso no Salgueiro para dizer que ‘bom talvez não seja uma boa ideia a gente fazer black face'”, afirmou um internauta sobre a polêmica.

A caracterização repercutiu negativamente nas redes sociais já nos primeiros minutos da escola na pista. A maquiagem dos integrantes da bateria, que representam os faraós, levou cerca de quatro horas para ficar pronta. O coreógrafo da comissão de frente do Salgueiro, Hélio Bejani, disse que não quer motivar reações negativas. Ele disse ser uma decisão conjunta dele com o carnavalesco:

– Não quero polêmica. Isso é uma manifestação artística, temos licença poética – disse ele, que tocou ainda em outra polêmica: o fato de que homens estão representando mulheres:

– O enredo é afro. E é um afro mais histórico. Precisávamos dessas feições mais escuras. Por isso, decidimos pela pintura e por usar homens representando mulheres. Queria dar uma robustez. A maquiagem era a única forma de conseguir o tom certo.

Os ritmistas, negros e brancos, minimizaram a polêmica que surgiu nas redes sociais. Eles explicaram que representavam egípcios e, portanto, de origem negra. É afirmam que, numa bateria formada por muitos negros, em nenhum momento se discutiu a questão. Presidente do Salgueiro, Regina Celi também falou sobre a polêmica:

– Estava na leitura do carnavalesco, tinha que ser assim, fazia parte da concepção do enredo.

Um dos ritmistas, Rafael Leite diz que nem consegue responder se é negro ou branco.

– Sou de Minas, com família baiana, de brancos e negros. Não vejo problema algum na maquiagem. Brancos e negros nos pintamos, num enredo que falava dos negros – disse ele.

O carnavalesco Alex de Souza estreou na escola com um desfile “luxuoso”, destacando os truques para a Avenida.

– Fico muito feliz que mesmo num ano difícil a gente tenha conseguido trazer um belo espetáculo para essa escola que tem uma vibração contagiante. Mas nem tudo que reluz é ouro. Teve muito truque, trabalhamos com efeito de cores. As plumas nem sempre eram da melhor qualidade.

Souza também comentou sobre a polêmica da caracterização dos integrantes.

– Não tem nada a ver. A estética da comissão de frente foi inspirada no trabalho de um fotógrafo estrangeiro que tem belas imagens de negros pintados. Já na bateria me inspirei na 25° dinastia da Núbia que ocupou o Egito. Me inspirei em esculturas egípcias em preto e ouro e atendi o pedido dos componentes que não queriam uma roupa pesada. Então a maquiagem fez toda a diferença – apontou.

Acre

Lula manda áudio para Raimundão agradecendo as felicitações

Publicado

em

O ex-presidente Lula (PT) gravou um áudio nesta quarta-feira, 27, demonstrando todo o seu carinho e respeito direcionado ao seringueiro Raimundo Mendes de Barros, o Raimundão, primo do líder sindical Chico Mendes, que mora em Xapuri (AC).

Na ocasião, o presidente estadual do PT no Acre, Cesário Braga, fez a intermediação entre o ex-presidente Lula e Raimundão, que trocaram vídeo e áudio.

Mais cedo, Raimundão como é conhecido, gravou um vídeo desejando feliz aniversário ao ex-presidente Lula, que completa nesta quarta-feira (27), 76 anos de vida.

No áudio, Lula agradece Raimundão pelo apoio, pelo vídeo e por todo o companheirismo desde a fundação do Partido dos Trabalhadores.

“Cesário, diga para o Raimundão que esse vídeo foi o melhor presente que eu já ganhei na vida. Primeiro pelo carinho que tenho por ele e pela história que construímos juntos desde a fundação do PT, da nossa luta contra o desmatamento e a nossa luta pela valorização dos seringueiros. Diga para o Raimundão, que eu tô muito bonito e que vou ser presidente da República e que eu vou tombar essa árvore que ele tá do lado. Dê um beijão no coração do Raimundão”, afirmou o ex-presidente Lula.

Ouça o áudio:

Continuar lendo

Acre

Carreta Ambiental realiza atendimentos aos produtores

Publicado

em

A Secretaria de Estado de Meio Ambiente e das Políticas Indígenas (SEMAPI) realizou na tarde desta quarta-feira, 27, mais uma edição da Carreta Ambiental, só que desta vez, a ação ocorreu nas escadarias do Palácio Rio Branco, na capital do Acre.

A carreta já percorreu os municípios de Brasiléia, Xapuri, Epitaciolândia, Plácido de Castro e chegou na tarde desta quarta, em Rio Branco (AC).

A ação conta com esforços dos órgãos ambientais do governo em parceria com as prefeituras para levar até os produtores os atendimentos àqueles que precisam de forma rápida e eficiente, unindo ainda ações de educação ambiental e lazer a toda comunidade.

A contratação para execução do Projeto Carreta Ambiental contou com a destinação de emenda parlamentar da deputada federal Vanda Milani, no valor de R$ 1,5 milhão. O projeto irá percorrer os municípios do Acre por um período de cinco meses.

James Alves, coordenador da carreta ambiental, destacou que a ação tem a meta de levar serviços ambientais para diversos produtores da capital.

“Essa carreta tem o compromisso de percorrer os municípios do Alto e Baixo Acre oferecendo os serviços ambientais através do IMAC, licenciamento ambiental, outorga e dentre outros, ou seja, ela está resolvendo os problemas dos produtores sem a necessidade deles virem pra cidade”, explicou.

Continuar lendo

Acre

Jorge Viana parabeniza Lula e agradece por toda ajuda ao Acre

Publicado

em

O ex-senador e ex-governador do Acre, Jorge Viana (PT), usou as redes sociais para parabenizar o ex-presidente Lula, pelos 76 anos de vida completados nesta quarta-feira (27).

Nos stories, Jorge Viana parabenizou o ex-presidente e atual líder das pesquisas eleitorais para 2022, por tudo que já fez ao Acre, na sua gestão de 2002 a 2010. “Feliz aniversário e obrigado por toda sua ajuda ao nosso Acre”, afirmou.

Continuar lendo

Acre

Juiz suspende decisão que levou construtora de Jarbas a ser multada

Publicado

em

O juiz federal, Jair Araújo Facundes, da 3º Vara Cível e Criminal, acatou uma medida cautelar impetrada pela construtora acreana MSM, do empresário Jarbas Soster, determinando a suspensão do processo administrativo que resultou na multa de R$ 1,6 milhão aplicada à empresa acreana e no impedimento da construtora em participar de qualquer licitação com a União pelos próximos 15 meses.

Na decisão, o magistrado destacou que a empresa de Jarbas Soster pediu reiteradamente o reequilíbrio do contrato em razão das altas dos insumos e que o próprio Dnit e os seus representantes reconheceram a necessidade do reajuste, mas sequer deram um encaminhamento acerca dos pedidos.

“Essa afirmação, por si mesma, torna extravagante exigir da empresa o cumprimento a ferro e fogo de suas obrigações contratuais, se o Dnit não cumpre as suas”, afirmou o juiz em despacho.

A situação envolvendo a empresa de Jarbas, ocorreu após o DNIT anunciar, por meio de Procedimento Administrativo, que iria apurar a responsabilidade da empresa devido ao atraso no cronograma do trabalho. Segundo o órgão, a construtora, mesmo após ter sido acionada várias vezes, se negava a garantir o devido desempenho estabelecido no plano de trabalho.

“A empresa foi várias vezes acionada para retomada dos serviços e adequação do ritmo de obra, sendo alertada das consequências dos mesmos não ocorrerem de acordo com o cronograma previamente acordado, aproveitando a janela climática da região”.

O órgão destacou ainda que a alegada solicitação da empresa, da correção dos valores de insumos, não foi negada pelo Departamento, mas ressaltou que as análises de pedidos de ajustes só podem ser processadas após a devida entrega dos serviços contratados, seguindo a legislação em vigor e os normativos técnicos da autarquia – praticados nacionalmente.

O trecho entre Sena Madureira e Feijó, de 223 quilômetros, foi dividido em 2 lotes com valor de R$ 83 milhões. O empresário Jarbas Soster afirma que há problemas de lapso temporal e desequilíbrio contratual por parte do DNIT.

Ele alega que o contrato atual, que é de manutenção da BR-364, está errado. Para ele, o certo seria um contrato de Recuperação-Crema, como havia anteriormente com uma construtora mineira, e que deve haver reajuste no valor devido ao aumento dos preços dos insumos durante a pandemia de coronavírus.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas