Conecte-se agora

Polícia boliviana não estava autorizada a fazer prisão no Brasil

Publicado

em

Após a prisão do brasileiro Sebastião Nogueira do Nascimento, de 33 anos, em Epitaciolândia, captura realizada pela Força Especial de Luta Contra o Crime (FELCC) da Bolívia, as autoridades brasileiras já trabalham na investigação do caso. O que se sabe, a princípio, é que Sebastião não podia ter sido preso pelos agentes, no lado brasileiro.

A prisão, segundo familiares, ocorreu no último sábado, por volta das 23 horas. Segundo o pai do detido, Lau Chaves do Nascimento, de 72 anos, os policiais bolivianos atiraram e entraram na casa da família sem um mandado de prisão emitido por juiz brasileiro, o que o idoso considera ilegal.

“Nos estávamos deitados quando eles chegaram e bateram na porta e quando abri, eles foram entrando e foram logo para o quarto do meu filho que estava deitado. Não falaram e não apresentaram nada e foram logo algemando. Quando tentei fazer alguma coisa, eles me agrediram ferindo minha mão e deram dois tiros”, conta o aposentado.

Segundo a Secretaria de Polícia Civil (SEPC), o caso já está sendo levantado pelas autoridades policiais da cidade. Mas o que se sabe, até o momento, é que não havia nenhum informe preliminar às polícias brasileiras, nem à Civil, nem à Federal. A Secretaria de Segurança Pública do Acre não se manifestou sobre o caso.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas