Conecte-se agora

ac24horas não errou, diz Eliane

Publicado

em

Eliane Sinhasique diz que só químico vereadoras Guaracy Barbosa pode emitir juízio.

Toda a água distribuída em Rio Branco, pode até “não estar contaminada” mas, a amostra coletada pela UTAL/UFAC no conjunto habitacional Ilson Ribeiro está em “desconformidade” com a portaria 2.914 do Ministério da Saúde que diz que não pode ter PRESENÇA de Coliformes Totais como o encontrado na amostra.

Infelizmente, a UTAL só realizou 6 dos 22 exames necessários para termos um resultado completo da análise.

O ac24horas.com NÃO ERROU.. Apenas chamou a atenção com sua manchete.

Na minha opinião, somente o mestre em química da UTAL, Guaracy Barbosa dos Santos Maia, que foi quem assinou o laudo, é quem tem conhecimento suficiente para dizer qual é a gravidade do caso.

Vejam o anexo da portaria:

http://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/2011/prt2914_12_12_2011.html

 

Anúncios

Destaque 7

MPAC abre investigação contra Amac por suposta contratação irregular de pessoal e empresas

Publicado

em

O Ministério Público Estadual (MPAC) abriu uma investigação para apurar uma possível prática de irregularidades na Associação dos Municípios do Acre (Amac). A associação é investigada por uma suposta contratação de profissionais sem concurso, e ainda a assinatura de contratos irregulares, incluindo, a realização de compras sem licitação.

Segundo o coordenador da Amac, Marcos Frederick Lucena, a instituição ainda não foi notificada sobre o procedimento, mas quando isso ocorrer, toda a documentação será encaminhada ao MP.

“Agora inicia-se uma gestão e praticamente não tem nenhum procedimento que foi feito até agora, a gente ainda está em transição na Amac. Não ocorreu nenhuma notificação ainda, mas a priori, o que a gente sabe, é que foi bastante divulgado, é que essas denúncias não são de agora, são de cerca de dois anos atrás”, alegou.

Em relação à contratação de pessoas sem concurso para a instituição, Lucena pondera na tentativa de justificar.

“A Amac é uma empresa privada, sem fins lucrativos, só que o recurso que adentra nela é público. Então, a gente está esperando esse enquadramento da Justiça para ver quais seriam os procedimentos legais para resolver”, encerrou.

Com informações do G1 Acre

Continuar lendo

Acre

Petrobras sobe gasolina pela sexta vez no ano; diesel tem quinta alta

Publicado

em

A Petrobras vai elevar mais uma vez os preços da gasolina e do diesel nas refinarias a partir de terça-feira (9), informou a companhia nesta segunda-feira, por meio da assessoria de imprensa. A nova alta vem em meio aos trâmites para a substituição do presidente da petroleira, após intervenção do presidente Jair Bolsonaro.

O preço médio de venda da gasolina passará a ser de R$ 2,84 por litro, alta de R$ 0,23 por litro (alta de 9,2%), enquanto o diesel passará a média de R$ 2,86 por litro, aumento de R$ 0,15 por litro (alta de 5,5%).

É a sexta alta do ano nos preços da gasolina, e a quinta no valor do litro do diesel. Em dezembro, o litro da gasolina custava em média R$ 1,84. Já o do diesel saía a R$ 2,02.

Desde o início do ano, a gasolina acumula alta de 54% nas refinarias, enquanto o diesel subiu 41,6%.

Troca de comando

As sucessivas altas nos combustíveis este ano irritaram o presidente Jair Bolsonaro, que indicou o general Joaquim Silva e Luna para substituir o atual presidente Roberto Castello Branco do comando da estatal, como mostra o vídeo abaixo. O mandato de Castello Branco, no entanto, termina em 20 de março, e ele segue no cargo.

A troca provocou um forte forte abalo nas ações da companhia, que chegou a perder R$ 75 bilhões em valor de mercado em um só dia.

Lucro recorde

A Petrobras encerrou o quarto trimestre de 2020 com lucro recorde de R$ 7 bilhões, apesar do momento de crise. Segundo a Economatica, o resultado é tanto recorde nominal entre as empresas brasileiras como também quando se ajustam os valores dos maiores lucros da história pela inflação.

Continuar lendo

Cotidiano

“Me ensina muito como mulher”, diz pedagoga que homenageou a mãe em formatura

Publicado

em

Mascena se inspirou na luta da mãe para estudar e aproveitou momento especial para agradecê-la

O Dia Internacional da Mulher é comemorado em todo o mundo no dia 8 de março, sendo um símbolo das lutas e reivindicações pelos direitos do sexo feminino. Contudo, todo dia é uma luta diferente. Do voto ao direito de estudar, trabalhar e ter papel ativo na sociedade. Nos lares, a lição de coragem é passada geração a geração, como aconteceu com a recém-formada em Pedagogia Roberta Mascena, 25. 

Filha da encarregada de limpeza Marlene Oliveira, Roberta aprendeu com a mãe que para ir mais longe na vida precisava se dedicar aos estudos, ainda que a própria genitora não possuísse educação escolar. “Exatamente por minha mãe não ter tido oportunidade para estudar, ela sempre conversou muito comigo sobre isso”. 

Roberta ficou conhecida nacionalmente depois da sua formatura, quando decidiu homenagear a mãe vestindo a farda de limpeza por baixo da beca. A surpresa foi uma forma de agradecimento aos valores aprendidos com a genitora. “Mulher de luta e superação, que veio de um nível não tão bom, mas que chegou no lugar que, para uns, não é nada, ser encarregada de faxina, mas para mim é demais”, declara a filha com orgulho.

Roberta, que hoje é pedagoga, foi exímia aluna da vida e dos ensinamentos passados pelos pais. “Aprendi com a minha mãe a ser humilde. Aprendi com meu pai a ser honesta. Aprendi com os meus amigos a ser respeitosa. Aprendi com os moradores de rua a ser sensível. Aprendi na escola a ser humana”, lista. Para ela, “todos os nossos momentos da vida são bem-vindos para agregar conhecimento porque nunca é o bastante”.

Força feminina que inspira

A força da mulher está retratada em livros, filmes, músicas, poemas etc. No entanto, é no exemplo doméstico que, muitas vezes, as meninas aprendem a admirar a figura feminina. Para a pedagoga Roberta, a luta da sua mãe é sua inspiração para contribuir para a formação de outras mulheres. 

“Herdei dela a sensibilidade, a humildade, honestidade… minha mãe é muito arretada, herdei dela esse sangue arretado. Me considero uma pessoa que luta bastante pelos seus ideais e ela também. É sempre muito firme e isso me ensina muito como pessoa e mulher”, destaca a jovem.

Sua mãe saiu do Nordeste aos 13 anos de idade, abandonou os estudos e seguiu para trabalhar como empregada doméstica em Santos (SP). Retomou o contato com os livros na modalidade Educação de Jovens e Adultos (EJA), quando a filha cursava a 8ª série. 

Roberta foi a primeira da família da sua mãe a ter um curso de graduação. Por isso, a vontade de mudar essa realidade e outras é o que motiva a jovem na profissão, que espera poder contribuir para que as pessoas consigam ocupar mais espaços. “Pretendo passar para os meus alunos a importância do conhecimento, do saber. Ensinar a respeitar o planeta, a natureza, as pessoas, a lutar pelos seus sonhos por mais difíceis que sejam. Quero que se libertem e desenvolvam dons e habilidades que, às vezes, nem eles sabem que têm”.

Fonte: Brenda Chérolet – Agência Educa Mais Brasil

Continuar lendo

Acre 01

Justiça acata pedido do governo federal para retirar imigrantes da ponte entre Acre e Peru

Publicado

em

A Justiça Federal acatou nesta segunda-feira, 8, o pedido do Governo Federal para a reintegração de posse contra os imigrantes que estão acampados na Ponte da Integração, que liga a cidade de Assis Brasil (AC) a Iñapari, no Peru.

Na decisão, o juiz federal Herley da Luz Brasil pontuou que a reivindicação de abertura das fronteiras com o Peru não pode ser atendida pelo Brasil em respeito à soberania estatal e que foram propostas ações conciliatórias, mas os imigrantes se negaram a aceitar qualquer acordo.

A ponte foi ocupada por pelo mais de 300 imigrantes, a maioria haitianos. Uma parte deles permanece na ponte e outra em abrigos, em Assis Brasil. O juiz autorizou o uso de força policial, devendo a Polícia Federal, a Polícia Rodoviária Federal, a Força Nacional de Segurança Pública e Polícia Militar do Acre cumprirem a ordem judicial e resguardarem a ordem e a segurança no local. O magistrado também autorizou a prisão em flagrante daqueles que se negaram a cumprir a ordem judicial.

“Disso se verifica que a livre manifestação perde seu caráter de lícita e legítima até porque é impossível ao governo brasileiro atender ao pleito, transborda da razoabilidade e proporcionalidade e passa a configurar, na realidade, indevida ocupação de bem público, evidente abuso do direito constitucionalmente garantido, em detrimento da ordem pública e econômica, da garantia do direito de ir e vir e de outros direitos humanos envolvidos”, destacou.

Ainda conforme o magistrado, o bloqueio na ponte da integração traz diversos prejuízos econômicos aos dois países e alertou para o prejuízo dos caminhões de insumos que estão tanto do lado peruano e brasileiro. “Assim, a manifestação acabou por impor desordem, inviabilizando o tráfego na região e acarretando ou podendo acarretar o desabastecimento de produtos e insumos no Brasil, no Peru e na Bolívia, revelando-se legítima e premente a pretensão da União”, pontuou.

Nesse domingo, 7, o diretor do Sindicato das Indústrias de Frigoríficos e Matadouros do Estado do Acre, Nenê Junqueira, diz que o bloqueio na ponte da integração impede no momento a passagem de 100 caminhões com carga que estão do lado peruano e outros 30 que estão em território acreano.

“Será que se esse bloqueio ocorresse no Porto de Santos as autoridades já não teriam solucionado? Como estamos distantes dos grandes centros, em uma fronteira com menor circulação, não tem sido dada a necessária atenção para essa situação grave”, indagou.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas