Conecte-se agora

Hospital do Câncer no Acre atende pacientes da Bolívia e de Rondônia, mas ainda tropeça na realização do exame de biopsia

Publicado

em

Jairo Carioca – da redação de ac24horas

Mais de 4 mil pessoas no Acre possuem algum tipo de câncer. Entre os pacientes cadastrados no Instituto Nacional do Câncer (INCA), 55% são mulheres. O câncer de mama ainda é o tipo mais frequente. Nos homens, o câncer da próstata atinge 22,5% dos 44,5% cadastrados. Esses e outros pacientes devem começar o tratamento no prazo mínimo de 60 dias, segundo lei aprovada pelo Senado e que segue para a presidente Dilma Rousseff sancionar. A diretora do Hospital do Câncer no Acre, Kesia Labs, diz que o Estado já cumpre com a determinação, mas o gargalo ainda está na realização do exame de biopsia. O oncologista e diretor clinico, Antônio Venedete, afirmou a existência de demanda reprimida. O Hospital das Clinicas é o único que oferece cobertura pelo SUS para realização do exame. Em média um paciente espera mais de 30 dias pelo resultado. A demora pode resultar no avanço do quadro do paciente.

A média nacional para uma mulher começar o tratamento de câncer em todo o país é de seis meses segundo a federação que reúne entidades filantrópicas contra a doença. Um relatório do Tribunal de Contas da União afirma que em 2010, o tempo máximo entre a data do início do tratamento e a quimioterapia foi de mais de 76 dias. A Radioterapia passou de 130 dias.

Estruturado com cirurgião oncológico, radioterapeuta e hematologista pediátrico e adulto, o Hospital do Câncer em Rio Branco não está incluído nessa relação do TCU e tem qualidade comparável aos hospitais privados. Diferente de outras regiões do país, em que milhares de pessoas agonizam na fila para exame de radioterapia, no Acre depois de diagnosticado esse tratamento começa no máximo com 48 horas. Kesia Labs garante ainda, que uma mulher com câncer de mama pode iniciar tratamento em até 24 horas.

O objetivo do projeto de autoria da senadora Ana Amélia (PP-RS) é dar aos pacientes que dependem do tratamento pelo SUS, atendimento parecido dos que podem pagar um tratamento pela rede particular. Os planos de saúde têm no máximo 21 dias para começar o tratamento contra qualquer tipo de câncer.

O câncer do colo do útero, o segundo tipo de tumor mais frequente entre mulheres, é responsável pelo óbito de aproximadamente 230 mil pacientes por ano no Brasil. No Acre dos 55,5% de mulheres com a doença, 31,5% sofrem com o câncer do colo de útero. 21,3% têm câncer de mama.

Com relação aos homens, o câncer de próstata atinge 22,5%. O segundo mais frequente é o câncer de estômago que atinge 7,3% da classe. Ainda segundo a direção do hospital do câncer em Rio Branco, 3.907 pacientes estão cadastrados e em tratamento. 200 prontuários podem ser cadastrados nos próximos dias.

Pacientes com câncer ou outra doenças graves tem o direito de sacar todo o fundo de garantia. Um exame de biopsia custa na rede particular, em média, R$ 300.

 

 

 

 

 

Acre

Juiz Gilberto Matos é eleito como presidente da Asmac

Publicado

em

O juiz titular do 2º Juizado Especial Criminal da Comarca de Rio Branco (Jecrim), Gilberto Matos de Araújo, foi eleito presidente da Associação dos Magistrados do Acre (Asmac), para o biênio 2023/2025, na última quinta-feira, 1° de dezembro.

O magistrado foi eleito em chapa única – tendo a participação maciça da classe jurista. A votação e a apuração foram realizadas na sede administrativa da entidade, no Fórum Barão do Rio Branco.

Concorrendo à eleição pela primeira vez, Matos agradeceu o apoio dos colegas e afirmou ser uma honra assumir a entidade. “Fico feliz pelo voto de confiança. Assumo a nova missão com a responsabilidade de defender a classe e de buscar a continuidade nos projetos da gestão atual”, declarou.

Bibliografia

Gilberto Matos de Araújo formou-se em Direito pela Universidade Federal do Mato Grosso (UFMT) e possui MBA em Direito Empresarial pela FGV. Ele ingressou na magistratura em 2009 e, atualmente, responde pela Jecrim, além de atuar como juiz eleitoral da 1ª Zona (biênio 2022/2023).

O novo presidente da Asmac já foi titular das Varas Únicas das Comarcas de Plácido de Castro e Acrelândia. Ele também já atuou na Vara Criminal de Rio Branco.

Continuar lendo

Acre

Falha no atendimento a presos monitorados vira alvo de inquérito

Publicado

em

O Ministério Público do Estado do Acre (MP-AC) resolveu abrir um inquérito civil para apurar inúmeras reclamações relacionadas a falhas no atendimento aos presos monitorados por tornozeleira eletrônica na capital. O despacho foi publicado na edição do Diário Eletrônico de quarta-feira, 30.

Tales Fonseca Tranin, da 14ª Promotoria de Justiça Criminal, destacou que vem recebendo constantes reclamações por parte de reeducandos monitorados, quanto à indisponibilidade dos telefones da Unidade de Monitoramento Eletrônico da capital. Segundo ele, há aproximadamente 1.500 indivíduos incluídos no sistema de monitoração eletrônica, apenas na cidade de Rio Branco, e que em razão da falta de efetivo, apenas dois policiais ficam encarregados pelo atendimento das solicitações.

Talles ressaltou que considerando o elevado número de situações que demandam a atuação das equipes de fiscalização da UMEP diariamente e que a dificuldade de comunicação com a unidade vem ocasionando diversos prejuízos aos monitorados, que por muitas vezes acabam sendo presos em razão das violações, mesmo estando em comprovado estado de necessidade, como por exemplo, nas ocasiões em que são vítimas de tentativa de homicídio.

Visando a necessidade de regularização da problemática, sobretudo evitar prejuízos aos monitorados que demonstram interesse em cumprir a pena nos moldes estabelecidos, a promotoria do órgão controlador decidiu uma investigação. “Resolve instaurar inquérito civil com fundamento no art. 4º, caput, da Resolução n.º 23/2007/CNMP, e no art. 23, caput, da Resolução n.º 28/2012, do Colégio de Procuradores de Justiça do MPAC, a fim de verificar a procedência das alegações de possível deficiência no serviço de fiscalização e assistência aos presos sob monitoração eletrônica pela Unidade de Monitoramento Eletrônico de Presos em Rio Branco”, diz trecho do documento.

Ao fim do despacho, o promotor determinou a expedição de ofício ao Diretor Presidente do IAPEN e ao Diretor da UMEP, para que informem, no prazo de 10 (dez) dias, o modo de funcionamento das linhas telefônicas destinadas ao atendimento dos reeducandos monitorados e, se estão disponíveis 24 horas por dia e quantos servidores são lotados no setor.

Continuar lendo

Acre

Nicolau Júnior parabeniza José Ribamar novo presidente do TCE

Publicado

em

O deputado estadual reeleito, Nicolau Junior ( PP), presidente da Assembleia Legislativa parabenizou o conselheiro José Ribamar, aclamado nesta quinta-feira, para presidir o Tribunal de Contas do Estado.

Nicolau destacou o trabalho realizado pelo então presidente Ronald Polanco e disse que o TCE estará em boas mãos na gestão de Ribamar, o mais novo conselheiro da corte.

José Ribamar foi o único candidato do pleito e acabou aclamado por unanimidade. Ele foi empossado no cargo logo após a sessão, que ocorreu de forma virtual.

A nova composição ficou assim: Presidente da Corte para o próximo biênio, Conselheiro José Ribamar Trindade de Oliveira, como Vice-Presidente, o Conselheiro Valmir Gomes Ribeiro e como Corregedora, a Conselheira Dulcinéa Benício de Araújo.

Continuar lendo

Acre

Motociclista colide contra muro e vai parar no Pronto-Socorro

Publicado

em

Um acidente trânsito envolvendo uma motocicleta deixou Valdeonor Pereira da Silva, de 40 anos, ferido na noite desta quinta-feira, 1°, no ramal São João, no bairro Apolônio Sales, em Rio Branco.

Segundo informações de populares que presenciaram o acidente, Valdeonor trafegava em uma motocicleta modelo Yamaha YBR 125, de cor prata, placa MZT-2291, no sentido centro-bairro quando perdeu o controle da moto, invadiu a pista contraria, subiu na calçada e colidiu contra um muro. Com o impacto, Valdeonor bateu a cabeça e desmaiou.

A ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionada, os paramédicos prestaram os primeiros atendimentos e encaminharam o motociclista ao Pronto-Socorro de Rio Branco em estado de saúde estável, com sinais de embriaguez alcoólica.

Policiais Militares do Batalhão de Trânsito não foram acionados.

A moto foi removida do local por terceiros.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Este conteúdo é protegido.