Menu

Dona da Paiakam Turismo, acusada de enganar clientes, é presa em operação no Acre

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

Cleonice Costa, apontada como dona da empresa Paiakam Turismo, agência de viagens acusada de vender passagens aéreas, cancelar os voos e não ressarcir os clientes, foi presa pela Polícia Civil na última quinta-feira, 30. A Polícia Civil declarou não poder passar mais informações sobre o caso, já que o mesmo corre em segredo de justiça.


Dezenas de clientes denunciaram a empresa (leia aqui) pela acusação de estelionato. Cleonice, inclusive, fechou a loja física afirmando que estava recebendo ameaças de mortes.


Um dos clientes que diz ter sido lesado procurou o ac24horas e contou o que tem acontecido com a empresa. “Somos mais de 23 pessoas enganadas pela agência. Estamos reunidos e entramos cada um de forma individual na justiça contra a empresa”, afirma o cliente, que pede para não ser identificado.

Publicidade

Conforme os denunciantes, a responsável pela empresa, identificada como Cleonice, simplesmente sumiu. “Fechou a agência física e não responde mais ninguém no celular. A justiça cobra um endereço físico para intimá-la e ninguém sabe o paradeiro da mulher. Acreditamos que somos muito mais do que 23 pessoas afetadas por ela”.


Em contato com a reportagem, o escritório de advocacia que defende Cleonice disse que a culpa é de outra empresa, cuja Paiakam tinha parceria, e que deixou de fornecer as passagens. Salientou ainda que a empresa tem feito todos os esforços para ressarcir o débito de seus clientes. A defesa ainda não se manifestou sobre a prisão de Cleonice Costa.


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido