Conecte-se agora

Frank colocará hidroxicloroquina e azitromicina para covid-19

Publicado

em

O secretário municipal de saúde, Frank Lima, em entrevista coletiva, neste sábado, 06, na sala de reuniões da Prefeitura de Rio Branco,  afirmou que colocará à disposição todas as condições necessárias e farmacológicas para os médicos prestarem tratamento aos cidadãos rio-branquenses contra à covid-19. 

Segundo ele, a Semsa disponibilizará o kit-covid-19 que engloba remédios sem comprovação científica como hidroxicloroquina e azitromicina, mas ponderou que cabe ao médico decidir se usará ou não.

“A conduta médica é do médico. O médico na hora que ele precisar pra fazer o tratamento os medicamentos tem que estar disponíveis. Todos esses medicamentos que eu falei está convencionado como kit inicial, mas se esse tratamento não der certo, já não cabe mais essa medicação porque ele será encaminhado para o Into que é outra medicação”, afirmou. 

Em outro trecho, o secretário descartou qualquer medida de fechamento no âmbito da capital e alertou que é necessário uma campanha de conscientização para evitar o aumento no número de casos e de mortes em decorrência da covid-19. 

Em relação a vacinação, o secretário de Saúde avaliou como positiva e anunciou o Portal da Transparência da Vacinação de Rio Branco. Segundo ele, foram aplicadas até o momento mais de 16 mil doses na capital. Foram beneficiados com o lote de vacinas: idosos acamados, de lares públicos, de 72 a 90 anos e também os profissionais de saúde que estão atuando na linha de combate à covid-19.

Segundo o gestor, a vacinação tem ocorrido conforme o cronograma do Ministério da Saúde, porém ponderou que o Acre, ao contrário de outros Estados, está bem adiantado na faixa-etária de vacinação. 

“Em outros estados, eles ainda estão em 80 anos na vacinação, mas nós já estamos em 72 anos. Conforme o lote de vacinas distribuídas pelo Ministério da Saúde (MS) iremos diminuir o estrato de idade. Tudo depende do lote de vacinas, a capacidade tem de vacinar até 15 mil pessoas por dia. Chegando a vacina, iremos disponibilizar ela para o público seguindo o cronograma do Ministério da Saúde. O nosso portal de transparência tem as seguintes informações: números de casos, óbitos, locais de vacinação e de exames para a covid-19, o quantitativo de pessoas vacinadas, o quantitativo de vacinas recebidas e a lista de quem foi vacinado. Pretendemos abastecer esse site diariamente com informações para dar transparência nesse processo de vacinação”, salientou.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas