Conecte-se agora

Acre poderá decretar toque de recolher das 22h às 6h, diz Gladson

Publicado

em

Mesmo com início da campanha de imunização após a chegada de 41 mil doses da CoronaVac, vacina produzida pelo Instituto Butantan de São Paulo em parceria com o laboratório chinês Sinovac, e distribuída pelo Ministério da Saúde nesta semana, o governador Gladson Cameli teme pelos próximos dias a saúde pública do Estado entrar em colapso devido a alta de registro de novos casos de infectados que nesta quarta-feira, 20, já chegou 45.429 e 840 óbitos.

Ao ac24horas, Cameli informou na manhã desta quinta-feira, 21, que não descarta decretar toque de recolher caso a população não se conscientize e o número de novos casos e óbitos continuem elevados. “Sinceramente, eu não estou querendo isso, mas não estou vendo outra saída. Não adianta fazermos todo um esforço para trazer a vacina e a população não entender que ela precisa fazer a parte dela também. A pandemia não acabou e peço para que os nossos irmãos acreanos entendam isso e se unam conosco contra isso, senão serei obrigado a tomar essa decisão de decretar toque de recolher assim como acontece em Manaus (Amazonas)”, disse.

O chefe do Palácio Rio Branco afirmou que na próxima sexta-feira, 22, se reunirá com o Comitê Acre Sem Covid-19 para receber novos dados para embasar uma possível decisão. “Caso isso ocorra, a ideia é que o toque de recolher ocorra das 22h às 6h da manhã”, revelou.

A preocupação de Cameli leva em conta também que dos 40 leitos de Unidade Tratamento Intensivo (UTI) destinados à Covid-19 no Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia no Acre (Into), unidade referência para atendimentos, 36 estão ocupados. Isso significa que a taxa de ocupação das UTIs subiu para 90%, de acordo com a última atualização feita pelo Governo do Estado, na tarde desta quarta-feira (20). A taxa geral de ocupação de leitos de UTI, exclusivos para pacientes com a Covid-19 no Acre, está em torno de 76,9% e a tendência é que esses números continuem subindo.

A reportagem apurou que a situação mais crítica encontra-se na região do Alto Acre. A expectativa é que a regional passe para a bandeira vermelha na próxima análise do Comitê Acre Sem Covid-19.

 

 

 

Acre

Acre tem dois casos e não registra morte pela Covid-19 nesta terça

Publicado

em

Em boletim divulgado nesta terça-feira, 3, a Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre), informou o registro de dois novos casos de infecção por coronavírus, sendo todos confirmados por exames RT-PCR, fazendo com que o número de infectados salte para 87.188 nas últimas 24 horas.

Nenhuma notificação de óbitos foi registrada nesta terça, fazendo com que o número oficial de mortes por Covid-19 permaneça em 1.802 em todo o estado. Segundo o boletim, 27 pessoas seguem internadas entre leitos de enfermaria e de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) covid-19 no Acre.

Até o momento, o Estado registra 239.068 notificações de contaminação pela doença, sendo que 151.871 casos foram descartados e 9 exames de RT-PCR seguem aguardando análise do Laboratório Central de Saúde Pública do Acre (Lacen) ou do Centro de Infectologia Charles Mérieux. 84.869 pessoas já receberam alta médica da doença.

Continuar lendo

Acre

Oposição incentiva aprovados da PM a endurecer atos contra o governo

Publicado

em

Os deputados estaduais Edvaldo Magalhães (PCdoB) e Jenilson Leite (PSB) compareceram na manifestação dos integrantes do cadastro de reserva da Polícia Militar para prestar apoio ao movimento e sugerir endurecimento da manifestação, para pressionar o governo até que possa ser convocado um número maior do que foi sugerido na última reunião, ocorrida nesta terça-feira, 3. O movimento já dura mais de 24 horas.

O vice-presidente da Assembleia Legislativa, deputado Jenilson Leite, disse ao ac24horas que o grupo está navegando na esperança de que seriam chamados todos os integrantes. Segundo ele, o número de convocados poderá ser aumentado assim que o projeto chegar à Casa do Povo. “É possível, há debates e emendas que podem ser feitas”, declarou.

Edvaldo Magalhães frisou que o grupo conta com o apoio integral dos parlamentares. Na visão do oposicionista, os integrantes precisam fortalecer o movimento. “Quando se faz um acampamento é porque se utilizou os instrumentos legais. É preciso fazer que esse instrumento se fortaleça”, concluiu.

Na reunião entre governo e membros do Cadastro de Reserva ficou decidido que apenas 125 aprovados deverão ser remanejados para o Corpo de Bombeiros.

Continuar lendo

Acre

Aleac decide retornar com sessões presenciais na próxima semana

Publicado

em

O presidente da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac) deputado Nicolau Júnior, se reuniu com deputados integrantes da Mesa Diretora da Casa e demais parlamentares no final da manhã desta terça-feira, 3, para discussão sobre a volta das sessões presenciais, que por conta da pandemia da Covid-19 tem acontecido de forma remota.

Com todas as demandas administrativas sanadas, os parlamentares decidiram retornar com as atividades presenciais a partir da próxima terça-feira, dia 10 de agosto. Todos os trabalhos realizados no primeiro semestre Legislativo foram de forma virtual.

Nicolau afirma que os deputados voltam à Aleac, mas que todos os cuidados sanitários serão adotados. “Mesmo de forma virtual, tivemos um primeiro semestre muito produtivo. Esperamos que com a volta dos trabalhos presenciais possamos ainda mais elaborar, discutir e aprovar leis que beneficiem a nossa população. Vale lembrar que vamos adotar todos os cuidados sanitários recomendados pelas autoridades em saúde”, disse Nicolau.

Continuar lendo

Acre

Acre injeta R$ 2,1 milhões em pagamento de verbas rescisórias

Publicado

em

Nesta terça-feira, 3, a Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão do Acre (Seplag), informou que vai libera , em folha complementar, o pagamento do primeiro lote de verbas retroativas devidos a servidores e ex-servidores do Estado. Serão pagos R$ 2.167.128,36 para 242 servidores. Os pagamentos serão efetuados na quarta-feira, 4.

De acordo com a equipe do planejamento, os demais lotes serão liberados conforme o anunciado pelo governador em coletiva de imprensa realizada dia 26 de maio, por ordem de antiguidade do provimento.

O primeiro lote já está disponível para pagamento, referente às verbas retroativas devidas do ano de 2016. Todos os retroativos, com limite até o valor de R$ 30 mil, exceto os em processo judicial, serão pagos por lotes em parcela única, liberados até a data-limite de dezembro de 2022.

O cronograma dos lotes pode ser consultado por meio do sistema E-retroativo. Para ter acesso ao sistema, basta entrar na página da Seplag no endereço www.seplag.ac.gov.br, onde está o link do sistema E-retroativo. O servidor deverá clicar e inserir seu cadastro funcional, o mesmo utilizado para acessar o contracheque eletrônico e e-mail institucional. Aparecerá qual é o lote de pagamento e a data em que será liberado.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas