Conecte-se agora

Mazinho vai montar hospital de campanha em UBS para separar pacientes com Covid-19

Publicado

em

Após se reunir com equipes do governo do Estado e da Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre) nessa segunda-feira, 12, o prefeito de Sena Madureira, Mazinho Serafim (MDB) vai poder concretizar a instalação de um hospital de campanha no município com o objetivo de retirar os pacientes de Covid-19 do Hospital João Câncio Fernandes para a Unidade Básica de Saúde (UBS) localizada no bairro Bom Sucesso.

A montagem do hospital de campanha em meio à pandemia do coronavírus foi um pedido do prefeito Mazinho. “Fizemos uma reunião muito boa e confirmamos que vamos montar um hospital de campanha num novo posto de saúde que temos, onde vai ser possível instalar ao menos 30 leitos. A ideia é separar as pessoas contaminadas pelo vírus dos demais pacientes”, explica o prefeito.

A reunião teve participação do secretário de saúde Alysson Bestene, do deputado federal Alan Rick, do ex-secretário municipal de saúde Daniel Herculano, que hoje atua dentro da Sesacre e profissionais de saúde de Sena Madureira.

“Dentre os encaminhamentos, destacamos que não queremos ter um problema maior no hospital João Câncio, por isso queremos montar uma unidade referência para o atendimento de Covid-19. Para isso, contamos com o apoio do governo. É uma parceria entre a prefeitura e o Estado”, garante Mazinho.

O governo, por meio da Sesacre, vai enviar médicos, insumos instrumentais e macas para Sena Madureira, enquanto que a prefeitura, além do prédio, vai fornecer os funcionários da parte de limpeza e da recepção do hospital de campanha. “Vamos nos ajudar e junto melhorar esses atendimentos, fluir esse trabalho para combatermos o coronavírus”, ressalta o prefeito, apontando que o momento é também de gratidão pelo apoio de todos os parlamentares do Acre nesse momento de crise diante da pandemia.

“Sou grato a todos os parlamentares, Márcio Bittar, Sérgio Petecão, os federais Flaviano Melo, Alan Rick e todos os outros. Flaviano, por exemplo, alocou cerca de R$ 1 milhão para Sena Madureira no combate ao vírus, isso é uma ajuda muito grande”.

Todos os recursos enviados para o município estão sendo revertidos para compra de insumos como Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), álcool em gel, tendas, máscaras e outros. “É um momento de gratidão ao governo Gladson Cameli, que aceitou que o secretário Alysson vá ao nosso município nos ajudar com esse hospital de Campanha”, enfatiza Mazinho.

Equipes da Sesacre estarão em Sena Madureira na próxima quinta-feira, 14, para dar início, junto aos profissionais de saúde, à montagem da unidade referência no município. Nesta terça-feira, 12, Sena Madureira registrou 17 casos confirmados de Covid-19. “Peço que a população não se assuste, mas que se cuidem. Que fiquem em casa e se protejam”, diz o gestor.

Respirador

O prefeito aproveitou para explicar a situação dos respiradores que não chegaram ao município. Após conversa com representantes da Sesacre ficou acordado que uma das ambulâncias que se encontra na cidade será usada exclusivamente para o transporte de pacientes com Covid-19, uma vez que a instalação de um equipamento respirador requer muito mais insumos.

“É uma situação complexa. Para montar um respirador, é preciso de UTI, para montar UTI, precisa de usina para fabricar o gás que mantém a UTI funcinando então o que o governo sugeriu é que um respirador será montado dentro de uma de nossas ambulâncias. O paciente grave que precisar de um suporte maior, será levado dentro dessa ambulância equipada com respirador para o INTO em Rio Branco, onde terá mais de 40 UTIs com respiradores”, salienta o prefeito, após conversa com a Sesacre.

Anúncios

Cotidiano

Casal que “guardava” 23 kg de maconha de facção em casa é preso no Calafate

Publicado

em

Uma ação dos policiais militares da Força Tática do 1° e 2 Batalhão com o apoio da ROTAM, resultou na de prisão de um casal e na apreensão de 23 kg de maconha na noite desta terça-feira, 19, em uma residência localizada na rua Cabo Frio, no bairro Calafate, em Rio Branco.

A guarnição policial estava fazendo um patrulhamento de rotina na região, quando recebeu uma denúncia de que em uma casa tinha muita droga escondida da organização criminosa Comando Vermelho. Três guarnições policiais se deslocaram até o local, fizeram um cerco na residência e encontraram o casal. Durante uma revista na casa, dentro de um quarto, encontraram os 23 kg de maconha.

Diante dos fatos foi dada a ordem prisão e o casal foi encaminhado à Delegacia de Flagrantes (Defla) para os devidos procedimentos.

Continuar lendo

Cotidiano

Governo divulga resultado de recursos de prova do processo seletivo da Educação

Publicado

em

O governo do Acre e as secretarias de Planejamento Gestão e Educação, Cultura e Esportes, SEPLAG e SEE, tornaram público nesta quarta-feira, 20, o resultado das respostas aos recursos contra o gabarito da prova objetiva para o cargo de professor temporário nos programas de Educação de Jovens e Adultos (EJA), Ensino Regular, Fundamental, Médio e Aprender é o Caminho. A lista dos aprovados foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE).

O resultado preliminar dos candidatos aprovados na Prova Objetiva na seguinte ordem: cargo, vaga, inscrição e nome do candidato, em ordem alfabética

O candidato poderá solicitar revisão do resultado preliminar da Prova Objetiva, por meio de link disponível no site www.ibade.org.br, das 8h do dia 21/01/2021 até as 18h do dia 22/01/2021, observando o horário local da cidade de Rio Branco.

Para mais informações, clique aqui. 

Continuar lendo

Cotidiano

Mais um caso de tortura no presídio vai ser investigado pela justiça do Acre

Publicado

em

A denúncia partiu da 4ª Promotoria Criminal de Execução Penal e Fiscalização de Presídio. De acordo com o relato de detentos durante inspeção do Ministério Público no último dia 13 de janeiro, um dia antes dois apenados teriam sido alvo de tortura praticada por policiais penais.

A sessão de tortura teria acontecido no espaço chamado de “Chapão”, onde ficam os presos sentenciados dentro do presídio Francisco de Oliveira Conde. Os dois reeducandos que teriam sido espancados pelos policiais são Deivesson de Souza Rodrigues e Diego Oliveira da Silva. De acordo com a denúncia do MPAC os dois já fizeram exame de corpo de delito que comprovam terem sofrido tortura.

O promotor de justiça Tales Tranin, titular da 4ª Promotoria Criminal de Execução Penal e Fiscalização de Presídio, solicitou a abertura de inquérito policial, noticiou o caso a corregedoria do Instituto de Administração Penitenciária (IAPEN) e oficiou à Promotoria do Controle Externo da Atividade Policial que é quem tem atribuição para este tipo de investigação. O caso de tortura também foi levado ao conhecimento do Mecanismo Nacional de Prevenção e Combate à Tortura localizada em Brasília.

“Essa investigação tem por finalidade identificar quem são esse policiais penais que agrediram esses reeducandos e em que circunstâncias aconteceram essas agressões”, afirma Tranin.

O promotor fala ainda sobre os casos de tortura que ainda se depara dentro da unidade prisional. “O Ministério Público tem falado sempre que presídio é lugar para se cumprir pena privativa de liberdade, não é para se ter tortura lá dentro. As pessoas que ainda insistiram com essa prática criminosa serão responsabilizadas”, destaca.

Continuar lendo

Cotidiano

INSS prorroga interrupção do bloqueio de benefício por falta de prova de vida

Publicado

em

O Governo Federal editou nesta quarta-feira (20) a portaria 1.266 que prorroga a interrupção do bloqueio dos créditos dos benefícios por falta de realização da comprovação de vida.

Ou seja: os aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que não fizeram a prova de vida não terão seus benefícios bloqueados nos meses de janeiro e fevereiro.

A medida se dá por causa da pandemia da Covid-19. A prorrogação vale para os beneficiários residentes no Brasil e no exterior. De acordo com a portaria, a rotina e obrigações contratuais estabelecidas entre o INSS e a rede bancária que paga os benefícios permanece e a comprovação da prova de vida deverá ser realizada normalmente pelo bancos.

Em situações normais, a prova de vida é feita pelo segurado anualmente para comprovar que ele está vivo e garantir que o benefício continue sendo pago.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas