Conecte-se agora

Indígenas vão à Europa denunciar desmatamento com linhão no Acre 

Publicado

em

Uma comitiva dos indígenas Noke Koi, da etnia Katukina, de Cruzeiro do Sul, participa nesta quinta-feira, 4, em Amsterdã, na Holanda, do encontro sobre as temáticas de direitos indígenas e preservação do meio ambiente durante a conferência da Organização das Nações Unidas (ONU) sobre mudanças climáticas.

O pajé Romeyá Kamarati, vai denunciar o desmatamento que o linhão de energia elétrica vai causar na terra deles e a tentativa do governo federal de entregar os territórios indígenas para o agronegócio.

Romeyá Kamarati, o pajé dos Katukina, que  é  convidado de honra da Fundação Forest Forces, do criminologista ambiental Dr. Tim Boekhout Van Solinge, acredita que a participação  no evento será importante para dar visibilidade à  situações e  desafios vividos na floresta Amazônia não só pelos Noke Koi, mas por todos os povos indígenas.

Ele defende investimentos de países ricos para o fortalecimento  dos conhecimentos ancestrais, de agricultura, artesanatos, cultura e  medicinas dos indígenas. “Queremos um intercâmbio de tecnologias e conhecimentos. O povo indígena está aberto a parcerias e iniciativas para o desenvolvimento, desde que seja com a floresta em pé e respeitando o nosso modo de vida”, destaca.

Com relação às torres de energia elétrica do linhão que liga o Vale do Juruá ao Sistema Nacional,  Romeyá diz que haverá desmatamento na terra indígena para a implantação dos equipamentos. “Precisamos  preservar as nossas medicinas. Quando se passa com essas construções que só favorecem o não indígena, como é que nosso povo irá viver? Vai ser necessário abrir campo, desmatar mais dentro do nosso território que já não tem muita caça, vivemos em situação de insegurança alimentar por causa dos caçadores invasores, porque a necessidade de destruir mais floresta? Não consigo compreender o caminho que segue o não indígena, derrubar árvores para construir torres de energia dentro da floresta? Isso não é desenvolvimento, isso é retrocesso. Que pensamento tão errado é este que diz que uma torre de energia tem mais valor que uma antiga e ancestral Samaúma?”, indaga ele, que vai  informar na Conferência a  violações do governo federal com relação aos indígenas.

“Bolsonaro quer destruir as terras indígenas, quer lotear os nossos territórios e entregar para o agronegócio, violando nossos direitos constitucionais e desrespeitando todos os povos indígenas do Brasil, toda nossa luta, toda nossa história, toda nossa ancestralidade”, conclui.

A participação dos Katukina no evento mundial  é um convite da Fundação Forest Forces, com o objetivo de promover um diálogo sobre as perspectivas indígenas na floresta amazônica.

A conferência organizada em Amsterdã, no Teatro Munganga, para ouvir o Povo Noke Koi, iniciará as 20h (Holanda) e será transmitida online para todo o mundo. O evento de mudanças climáticas também contará com a participação musical do Washme Noke Koi, músico e filho do Cacique Geral do Povo Noke Koi, Cacique Poá.

A ativista de direitos humanos indígenas, Maya, também é oradora dessa Conferência, denunciando o crescente desmatamento na Amazônia Acreana.

Acre

Acreanos consumiram 600 litros de chopp durante jogo do Brasil

Publicado

em

Durante a partida entre Brasil e Camarões, válida pela terceira rodada do Grupo G da Copa do Mundo do Catar na tarde desta sexta-feira, 2, milhares de torcedores compareceram à praça de alimentação do Via Verde Shopping e consumiram 609 litros de chopp nos estabelecimentos do empreendimento.

Um levantamento feito pelo videomaker do ac24horas, Wildy Melo, mostrou que 150 litros acabaram sendo vendidos no Picanha Mix – contudo, o espaço garante que no jogo passado, entre a Seleção Canarinho e Suíça, foram consumidos 200 litros.

Além disso, 49 litros foi consumido no Sofillie, 150 litros no Divino Fogão e 60 litros no restaurante Água na Boca. Contudo, apesar das vendas, os torcedores saíram cabisbaixos com o resultado negativo da seleção na fase de grupos da competição. Nas oitavas de final, o Brasil pega a seleção da Coreia do Sul no estádio 974, em Doha, no Catar.

Continuar lendo

Acre

Confira a galeria de fotos da torcida acreana no terceiro jogo do Brasil

Publicado

em

Fotos: Sérgio Vale/ac24horas

Continuar lendo

Acre

Chuva espanta torcedores de transmissão do jogo na Concha

Publicado

em

A forte chuva que ocorreu nesta sexta-feira, 02, em Rio Branco, impediu que torcedores acreanos fossem a Concha Acústica para assistir ao jogo do Brasil contra Camarões, na Copa do Mundo.

Segundo a assessoria da Secretaria de Estado de Empreendedorismo e Turismo (SEET), a transmissão foi mantida para que o grupo que estava no local pudesse acompanhar a partida.

Além do telão ampliado e parte da arquibancada protegida com uma tenda, o espaço possui ainda, praça de alimentação, com diversos produtos a disposição.

Como parte da programação, antes e depois dos jogos, sempre ocorrem apresentações de bandas e artistas locais. Devido as chuvas, os representantes da SEET estudam se mantém ou cancelam o evento, caso o tempo persista até às 16h.

Os shows dos artistas Vini e banda e Priscila Flor estão confirmados para esta tarde, caso o planejamento continue.

Continuar lendo

Acre

Lojas do shopping liberam funcionários para assistir jogo

Publicado

em

Nesta sexta-feira, 2, dia do jogo entre Brasil X Camarões, pela Copa do Mundo do Catar, no estádio Lusail, lojistas do Via Verde Shopping, ponto de encontro dos acreanos para acompanhar a partida, decidiram liberar os funcionários para acompanhar a Seleção Canarinho.

Além da autorização para ver o jogo na praça de alimentação, os proprietários fizeram questão de liberar cadeiras para os funcionários assistirem a partida com maior tranquilidade.

O jogo é válido pela terceira e última rodada do Grupo G da Copa do Mundo. Já classificada, a Seleção Brasileira joga por um empate para confirmar a primeira colocação da chave. Caso termine em primeiro na chave, o Brasil pega a Coreia do Sul.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Este conteúdo é protegido.