Conecte-se agora

Funcionário do Depasa é exonerado após fazer denuncia na rede social

Publicado

em

Após denunciar o Departamento Estadual de Águas e Saneamento (Depasa) por péssimas condições de trabalho, por meio de vídeo em sua rede social, o Operador de Estação Elevatória, Weverton de Lima da Silva, foi demitido no dia 29 de novembro, por meio de uma mensagem de Whatsapp.

Weverton Silva, em contato com o ac24horas, alegou que foi vítima de perseguição e sua demissão teria ocorrido logo após o vídeo viralizar em redes sociais. Ele relatou que o Depasa em nenhum momento explicou o motivo da sua exoneração. Silva tinha contrato com o Depasa até janeiro de 2020.

“Vieram me pedir ajuda para trabalhar na campanha do Railson e do Raimundinho da Saúde. Eu falei que não ia ajudar ninguém. Aí colocaram as pessoas para me perseguir. Hoje eu moro no Abraão Alab, e tem um reservatório próximo a minha casa e quando a gente começou a trabalhar no Depasa falaram que a gente ia trabalhar perto de casa, mas eles me colocaram para trabalhar no Santo Afonso”, relatou.

No vídeo postado, ele mostra as condições de trabalho, onde segundo Lima, não havia bebedouro, nem cadeira pra sentar e nem sequer um ventilador, no reservatório .

“A gente trabalha num lugar perigoso e o Depasa nunca pagou por periculosidade e insalubridade. A gente nunca recebeu vale transporte por parte da empresa. Logo após meu desabafo nas redes sociais, aconteceu a minha exoneração”, lamentou.

Acre

Lar dos idosos terá placa solar com recurso de Jéssica Sales

Publicado

em

Que a energia elétrica está cada vez mais cara e que o momento atual aponta para a necessidade da redução do consumo de tal benefício, não é novidade para ninguém. A aquisição de placas solares, tecnologia que utiliza a luz do Sol como fonte de energia para gerar eletricidade, se apresenta como boa alternativa, possui a vantagem de ser uma energia gratuita, renovável e limpa, sua desvantagem, porém é de seu alto custo inicial, o que não popularizou ainda a utilização de tal tecnologia pela massa. Por meio da liberação de emenda parlamentar da Deputada Federal Jéssica Sales, no valor de R$ 230 mil, o Lar dos Vicentinos em Cruzeiro do Sul, comemora a breve instalação desse sistema de energia na instituição filantrópica. A economia de até 95% na conta de luz é uma das principais vantagens para a casa de apoio aos idosos.

De acordo com a diretora do Lar, Irmã Simone, atualmente é pago em torno de R$ 4 mil na conta mensal de luz. A larga economia vai repercutir em recurso para investir em outras áreas para os idosos (total de 27 abrigados atualmente). ” Estamos muito felizes mesmo pelo compromisso e parceria da Deputada Jéssica com nossa instituição. Temos um gasto muito alto de energia mesmo tentando sempre poupar ao máximo. Agora com as placas solares vamos ter mais qualidade de vida no Lar”, afirmou a diretora.

Jéssica Sales disse que garantir dignidade para as pessoas, principalmente da terceira idade é pilar de seu mandato. “É por isso, que seguimos firmes em nossa missão, cumprindo com responsabilidade nossa missão de usar o mandato em benefício indistinto para a população”, concluiu.

Continuar lendo

Acre

Com dois novos casos, Acre não registra mortes por covid-19

Publicado

em

A Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre) informou neste domingo, 17 de outubro, o registro de dois novos casos da covid-19, elevando o número de infectados para 88.005, em todo o Acre. Segundo o boletim, nenhuma notificação de óbito foi registrada neste domingo, fazendo com que o número oficial de mortes por Covid-19 permaneça em 1.842 em todo o estado.

Até o momento, o Acre registra 248.608 notificações de contaminação pela doença, sendo que 160.552 casos foram descartados e 49 exames de RT-PCR seguem aguardando análise do Laboratório Central de Saúde Pública do Acre (Lacen) ou do Centro de Infectologia Charles Mérieux. 86.064 pessoas já receberam alta médica da doença, sendo que 9 seguiam internadas até o fechamento deste boletim.

Continuar lendo

Acre

Lentidão na reversão e relação ruim motivam saída de chefe do Saerb

Publicado

em

O que era apenas uma especulação, se tornou realidade no final da tarde deste sábado, 16. Em uma carta divulgada, primeiramente, aos servidores do Depasa, Pollyana Souza anunciou que não é mais diretora-presidente da autarquia.

Fontes do ac24horas revelaram à reportagem que dois fatores principais contribuem para que a gestão de Pollyana frente à autarquia fosse encerrada. O primeiro é a lentidão no processo de reversão do sistema de água e esgoto de Rio Branco do governo para a prefeitura.

O acordo entre os poderes públicos foi assinado em maio, mas o município não conseguiu se organizar como deveria para receber o sistema. Sem orçamento e sem servidores suficientes, o Saerb não teve condições de receber o sistema no tempo acordado. O jeito foi o prefeito Tião Bocalom fazer um pedido ao governador para que a reversão fosse adiada para janeiro do ano que vem. O início do trabalho de troca de informações entre as comissões criadas para tratar do tema no Saerb e no Depasa foi marcado por atritos entre as duas autarquias. Tanto que o município chegou a enviar um documento ao estado alegando a demora no envio de documentos importantes.

Um outro problema que colaborou para sua saída foi a relação ruim de Pollyana com alguns dirigentes e servidores. O ac24horas apurou que o desgaste era tamanho com os servidores ao ponto de na manhã desta sexta, 15, ocorrer uma discussão extremamente acalorada com uma funcionária.

Na carta de despedida, Pollyana conta que foi quem pediu sua exoneração, apesar do prefeito ter resistido. Enalteceu que sua saída foi totalmente amigável e diz que deu o melhor com as ferramentas que dispunha.

Ainda diz que se coloca à disposição e que aprendeu “pacas” na gestão pública, exaltando a experiência que teve no Depasa. A prefeitura ainda não anunciou o substituto.

Continuar lendo

Acre

Entrada para o Calafate vira “rio” durante chuva forte neste sábado 

Publicado

em

A entrada do Calafate, que já foi motivo de reclamação de motoristas e motoqueiros por conta dos buracos, foi tomada pelas águas na tarde deste sábado (16). As imagens enviadas pelos internautas mostram que a entrada do bairro virou mais um rio do que de uma rua.

Mesmo sendo acesso a uma das regiões mais populosas de Rio Branco, vários motoristas não tiveram coragem de arriscar a passar com seus veículos.  Como alternativa, quem mora na localidade usou o estacionamento da loja Havan como atalho para não passar pelo trecho inundado.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

Copyright © 2021 ac24Horas.com - Todos os direitos reservados