Menu

Pesquisar
Close this search box.

Homem é preso por exercício ilegal da medicina no Pará

Foto: Ascom PC / PA
Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

Um homem, que não teve a identidade revelada, foi preso em flagrante por exercício ilegal da medicina e falsificação, corrupção, adulteração ou alteração de produto destinado para fins terapêuticos ou medicinais. A prisão ocorreu em Icoaraci, distrito de Belém, e foi confirmada nesta sexta-feira (5) pela Polícia Civil (PC).


Segundo a corporação, a equipe recebeu um dossiê por meio de uma denúncia que informava que um homem se apresentava como médico e realizava os atendimentos nos fundos de um imóvel, onde foi encontrado um estoque de medicamentos. O suposto médico, segundo as investigações, cobrava R$ 70 por consulta.


Os agentes da PC detalharam que entraram no imóvel no momento que um idoso se identificou como paciente e recebia atendimento do investigado. A polícia solicitou a identificação de médico, que afirmou não possuir.

Anúncios


De acordo com os policiais, os medicamentos estavam armazenados de forma totalmente inadequada. Todo o material foi apreendido e o preso está à disposição da Justiça.


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido