Menu

Pesquisar
Close this search box.

Jarude dobra valor de emenda destinada à escola cívico-militar da Cidade do Povo

Foto: Assessoria
Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

O deputado estadual Emerson Jarude (Novo), visitou nesta segunda-feira (20), a Escola Cívico-Militar Wilson Barbosa, localizada na Cidade do Povo, em Rio Branco, onde anunciou uma emenda de R$ 60 mil para a compra de instrumentos musicais para a banda de música formada pelos alunos da instituição.


Jarude chegou à escola para anunciar R$ 30 mil, mas ao se deparar com a apresentação dos alunos, decidiu dobrar o valor.

Anúncios


“A gente precisa mudar a realidade da nossa educação, não apenas no discurso, mas na prática. A maioria dos políticos antes de se eleger, o discurso é de que educação, transforma, educação é o futuro, que precisamos da educação, mas na prática, como é que está a situação da nossa educação? Eu sempre digo que se tem um lugar onde não pode faltar nada é na escola, então junto com minha equipe visitei várias escolas e perguntamos como poderíamos ajudar através das nossas emendas parlamentares e aqui existe um lindo projeto, né? E quero dizer que vocês não deixam nada a desejar para nenhuma banda que eu já escutei, então, parabéns a cada um de vocês pela dedicação e pelo esforço. E aqui eu vou fazer uma surpresa, viu? Eu ia mandar R$ 30 mil, mas depois que eu vi aqui, vocês merecem mais e eu vou dobrar a emenda, então vai vir R$ 60mil”, disse o deputado que foi aplaudido pelos estudantes.


Na visita, Jarude pode conhecer de perto o funcionamento da escola cívico militar que atende alunos de 40 bairros da capital e dos municípios de Porto Acre, Bujari e Senador Guiomard. Ao todo são 370 estudantes em seis turmas de 6º ano do ensino fundamental II, anos finais, e quatro turmas de 7º anos. O parlamentar defendeu a implantação de mais escolas no modelo militar.


“Eu acredito que a gente tem que estender isso, precisamos de mais investimento nisso, é só observar qual modelo que vem dando certo no nosso estado e esse, inclusive quando a gente busca na opinião pública, os pais querem colocar os filhos em escolas assim, então se os pais querem e se a gente ainda não tem a quantidade suficiente, nós que fomos eleitos para representar a vontade das pessoas, precisamos atender esse anseio e, como deputado estadual, busco fazer a minha parte com destinação de emendas para fortalecer esse modelo, mas é claro que não sou eu quem bate o martelo, isso cabe ao governo do estado do Acre”, concluiu.


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido