Menu

Desentendimento com “cabeça branca” faz deputado Tanizio sair de grupo de WhatsApp do MDB

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

O deputado Tanizio Sá, líder do MDB na Assembleia Legislativa, resolveu sair do grupo de WhatsApp do partido na manhã desta terça-feira, 5, alegando não concorda com questões políticas internas da sigla. “Não consigo contribuir enquanto alguns prejudicam o crescimento do MDB. Agradeço a todos e desejo sucesso. Um abraço”, disse o parlamentar.


O ac24horas apurou que a mensagem era direcionada ao secretário-geral do MDB, Aldemir Lopes. Procurado pela reportagem, o deputado confirmou que a saída era motiva por um desentendimento com o dirigente e “outra pessoa ao qual prefiro não dizer o nome”.


Sá afirmou que trabalha para que o MDB cresça em todo o Acre enquanto existem alguns dirigentes que “puxam o partido para baixo”. “Esse senhor atrapalha, eu trabalho o partido, o MDB, e não questões pessoais. Mas eu saí tranquilo, me desliguei, mas continuo sendo líder do partido na Aleac e deputado da sigla também. É mais um problema interno que prefiro evitar comentar”, explicou o parlamentar.

Publicidade

Aldemir Lopes, que é secretário-geral do diretório estadual, é considerado um dos “cabeças-brancas” do partido e goza de grande influência junto ao ex-deputado Flaviano Melo, presidente da sigla no Acre. Ele já foi preso pela Polícia Federal e condenado por prática de corrupção.


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido