Menu

Detento monitorado é executado a tiros no Aeroporto Velho, em Rio Branco

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

O detento monitorado por tornozeleira eletrônica Geovane Rafael de Souza Lima, de 27 anos, foi morto a tiros na noite desta segunda-feira, 4, na rua Rio Grande do Sul, no bairro Aeroporto Velho, em Rio Branco.


Segundo informações da polícia, Geovane saiu do presídio há cerca de um ano após cumprir pena por tráfico de drogas. Ele foi colocado em liberdade condicional e teria entrado para uma igreja evangélica.


Na noite desta segunda-feira, Geovane saiu de seu apartamento e enquanto caminhava, foi abordado por criminosos que estavam em um veículo modelo Gol, de cor vermelho, que em posse de arma de fogo, efetuaram vários tiros na direção de Geovane que foi ferido na cabeça, ombro e pescoço. Mesmo ferido, a vítima ainda conseguiu correr e cair na frente da entrada do seu apartamento. Após a ação, os faccionados fugiram do local.

Publicidade

Moradores da região acionaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e enviaram a ambulância do suporte avançado, mas quando os paramédicos chegaram ao local, nada puderam fazer por Geovane, que já se encontrava morto.


A área foi isolada pelos Policiais Militares para os trabalhos do perito em criminalística. O corpo de Geovane foi removido e encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para os exames cadavéricos.


A polícia acredita que o crime está relacionado à guerra entre organizações criminosas. O caso inicialmente segue sob investigação dos Agentes de Polícia Civil da Equipe de Pronto Emprego (EPE) e posteriormente ficará à disposição da Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP).


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido