Menu

Com interesse na importação de proteína animal, missão internacional das Filipinas visita o Acre

Comitiva foi recebida pelos técnicos do Idaf. Foto José Caminha/Secom
Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

Como foi adiantado há alguns dias pelo ac24horas, uma missão da República das Filipinas visitou a sede do Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal (Idaf), nesta terça-feira, 28, em Rio Branco, para conferir a procedência dos processos de vigilância sanitária, com interesse na importação da proteína animal do Acre.


Segundo o diretor técnico do Idaf, Alexandre Fernandes, em reportagem da Agência de Notícias do Acre, o ambiente saudável que o Acre vive hoje, livre de enfermidades na parte animal e vegetal, é o resultado de um trabalho realizado há mais de duas décadas.


“Hoje a República das Filipinas nos procura porque passamos mais de 20 anos vacinando nosso rebanho corretamente contra a febre aftosa e, no ano de 2020, o Acre foi considerado área livre de febre aftosa sem vacinação”, ressaltou.

Publicidade

Para Alexandre, a abertura de novos mercados internacionais para a exportação da proteína animal (carne suína, bovina e aves) é de grande relevância para a economia acreana, pois toda a cadeia produtiva do estado ganha com o aquecimento do mercado.


Filipinas, ou República das Filipinas, é um país localizado no sudeste do continente asiático. Seu território de 300 km² é formado por mais de sete mil ilhas, com uma população de mais de 111 milhões habitantes e desenvolve uma economia baseada em atividades turísticas e industriais.


O Idaf recebeu uma missão internacional da República Dominicana em janeiro, período em que o Acre foi credenciado e o mercado de exportação de proteína animal foi aberto para eles. Atualmente, o Acre exporta proteína animal para o Vietnã, China, Peru e Bolívia.


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido