Menu

Pesquisar
Close this search box.

PT do Acre classifica falas de Manoel Moraes como “infundadas e levianas”

Presidente do Partido dos Trabalhadores no Acre, ex-deputado Daniel Zen - Foto: Aquivo/ac24horas
Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

O presidente do Partido dos Trabalhadores no Acre, ex-deputado Daniel Zen, resolveu se manifestar nesta sexta-feira, 15, sobre as declarações do líder do governo de Gladson Cameli, deputado Manoel Moraes (PP), que durante debate na Assembleia Legislativa atribuiu a falta de casas e a situação dos desabrigados da invasão Terra Prometida aos governos do PT.


“Expressamos nosso mais veemente repúdio às declarações proferidas pelo deputado Manoel Moraes (PP) durante sua recente estreia como líder do governo na ALEAC (Assembleia Legislativa do Estado do Acre). Durante sua atuação no plenário, o deputado Moraes fez acusações infundadas e levianas ao Partido dos Trabalhadores (PT) e, mais especificamente, à gestão anterior do estado, desmerecendo suas realizações e contribuições para a população acreana”, disse Zen em comunicado divulgado em suas redes sociais.


O petista destacou que nos governos do PT no Acre foram construídas mais de 20 mil casas, uma média de 1.000 por ano. “Essas iniciativas resultaram em uma melhoria significativa na qualidade de vida de inúmeras famílias, abrangendo áreas urbanas, rurais, e comunidades indígenas”, pontuou.

Anúncios


Segundo Zen, só no governo de Sebastião Viana foram entregues cerca de 14 mil casas, muitas delas na Cidade do Povo, beneficiando diretamente cerca de 54 mil pessoas em todo o estado. “Manoel Moraes, inclusive, participou de várias cerimônias de entrega de casas enquanto fazia parte da base governista naquela época”, destacou.


“No entanto, é lamentável que, sob a liderança do deputado Manoel Moraes, o governo atual de Gladson Cameli tenha completado cinco anos sem construir ou entregar uma única casa. Este é um fato incontestável que demonstra a negligência em relação à questão da moradia e o descaso com as necessidades da população. Este governo pode até entregar algumas casas, porém somente a partir do próximo ano, e graças a reativação do programa “Minha Casa, Minha Vida”, que se deve ao esforço do Presidente Luiz Inácio Lula da Silva, após anos de abandono durante o governo de Bolsonaro”, explicou o dirigente do PT.


Daniel Zen ressalta que Manoel Moraes está completamente equivocado em suas declarações em relação à ocupação da Terra Prometida/Irineu Serra e ao histórico do PT no Acre. “É crucial que os representantes eleitos se comprometam com a verdade e com o bem-estar da população, em vez de fazer acusações infundadas e desmerecer as realizações passadas. Exigimos um compromisso sério com a habitação e o desenvolvimento do estado em benefício de todos os seus cidadãos”, finalizou.


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido