Menu

Mais de 50 pessoas morrem em naufrágio na Itália

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

Pelo menos 58 pessoas morreram após o naufrágio de um barco com imigrantes na costa leste da região da Calábria, na Itália, informam agências internacionais de notícias neste no domingo (26). Entre as vítimas, um bebê e várias crianças foram encontradas.


Alguns corpos foram achados nas margens de Steccato di Cutro, um balneário na província de Crotone, disse a ANSA, enquanto outras vítimas foram resgatadas na água.


O número de mortos ainda pode aumentar.

Publicidade

A embarcação, trazendo imigrantes do Irã, Paquistão e Afeganistão, bateu contra rochas em um mar agitado, afirmou a agência de notícias Adnkronos.


Informações da polícia e da guarda costeira italiana dizem que ao menos 81 pessoas sobreviveram ao naufrágio, e 20 foram encaminhadas ao hospital, com uma em estado grave, até a última atualização da reportagem.


De acordo com a Adnkronos, mais de 100 pessoas estavam a bordo do navio.


A Itália é um dos principais pontos de desembarque de migrantes que tentam entrar na Europa por via marítima. Mas a rota do Mediterrâneo central é uma das mais perigosas do mundo.


De acordo com o Projeto de Migrantes Desaparecidos da Organização Internacional para as Migrações, 20.333 pessoas morreram ou desapareceram no Mediterrâneo central desde 2014.


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido