Menu

Afasta de mim estes cálices

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

A NOVELA do DNIT está longe de ser resolvida. O ex-prefeito Marcus Alexandre me disse ontem em postagem que, não está nos seus planos assumir a direção regional do DNIT, como vem sendo divulgado e é o sonho da direção do PT do Acre. E, ele também, coloca fora do seu foco político ser candidato a prefeito de Rio Branco. Quer continuar sendo assessor do Tribunal Regional Eleitoral do Acre. 


Marcus lembra o ditado que: Gato escaldado, tem medo de água fria. Deve ter aprendido com a fria que o colocaram, ao aceitar ser candidato a vice-governador numa aventura suicida na chapa de Jorge Viana (PT) ao governo. Jogou pela janela uma eleição que era tida como certa para deputado estadual. Dnit ou PMRB? Afasta de mim estes cálices.


OLHOS FECHADOS


O ROBERTO DUARTE, está entre os três melhores deputados desta legislatura que se finda na ALEAC. Mas entre as suas pautas nunca esteve o abandono que se encontra o estádio Arena da Floresta (sucateado e palco de peladeiros) e o estádio do Juruá. No Arena, há mais de 1 ano não acontecem jogos dos times profissionais no campeonato acreano. No Juruá, em torno de 4 anos. Se calou sobre isso. Surpresa, pois, este seu repentino amor pelo esporte ao querer ser presidente (um direito) da Federação Acreana de Futebol. Falta-lhe cancha.


LUTADOR PELO ESPORTE


NÃO VOU a todos os jogos. Compareço às decisões e partidas com times de fora, principalmente, para ver meu time Rio Branco. Acompanho o esporte. Leio o Paulo Henrique (melhor colunista esportivo do Acre), então posso opinar. Nenhum presidente da Federação de futebol do Acre fez mais que o atual presidente Antônio Aquino, o “Toniquim”. Só está havendo jogos do campeonato acreano hoje, por existir o Florestão, construído por ele tijolo por tijolo. Nada mais justo que concorra a mais uma eleição. E ganhe mais um mandato.


PERDA DE MANDATOS


VÃO MESMO para a justiça, em muito breve, os pedidos de cassação de vereadores do PT e PSD, que não votaram no Jorge Viana (PT) e Sérgio Petecão (PSD). O argumento será o da prática de infidelidade partidária.


PEDRA NO MEIO DO CAMINHO


O PREFEITO Tião Bocalom já declarou sem pedir segredos que, a sua meta é se reeleger e disputar o Senado, em 2026. Como o governador Gladson também deve se candidatar ao Senado, existe uma pedra para a união de ambos na disputa da PMRB, no próximo ano.


NÃO ESTÁ FORA


MESMO que não venha ter o apoio do governador Gladson Cameli para a disputa da PMRB, em 2024, ainda assim o Bocalom será um adversário muito competitivo.


DESAFIO


O DEPUTADO Luiz Tchê (PDT) está pegando a secretaria de Agricultura, com o desafio de fazer a agricultura familiar pujante, o que não aconteceu no primeiro governo do Gladson, que deixou a desejar na área.


CRAQUE OU PELADEIRO


O DEPUTADO Luiz Tchê (PDT) é um craque em vencer eleições, principalmente, nos bastidores. A saber se como secretário, ele não se transformará de craque da política em peladeiro da gestão. A bola está com ele.


ENOJADO COM A POLÍTICA


QUEM CONVERSA com o ex-prefeito de Cruzeiro do Sul, Vagner Sales (MDB), ouve dele estar enojado com a política, pela compra descarada de votos. Por ele, ninguém da família será mais candidato a cargo eletivo.


NOME FORTE


QUEM conhece bem o eleitorado de Senador Guiomard revela que, se a eleição fosse hoje seria difícil bater o candidato a prefeito Gilson da Funerária, pela fragilidade da gestão da prefeita Rosana Gomes. Mas, como estamos longe da eleição, ela tem tempo para superar a rejeição e chegar na reeleição competitiva.


PASSA PELO STF


TODOS os presos no curral político montado em frente do quartel do Exército em Rio Branco, pedindo a ditadura, ainda continuam recolhidos à penitenciária. Aguardam a análise dos seus casos pelo STF.


FRASE MARCANTE


“Todo sapato bonito um dia se torna chinelo velho”. Ditado chileno.


 


Participe do grupo e receba as principais notícias na palma da sua mão.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.