Conecte-se agora

Sesacre fará reunião nesta sexta para definir protocolos sobre aumento de casos de Covid-19

Publicado

em

A Assessoria de Comunicação da Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre) informou que a pasta realizará reunião na tarde desta sexta-feira (18) para definir recomendações e protocolos a respeito da nova onda de Covid-19 que ocorre no país.

Em razão do aumento recente do número de casos, o Observatório Covid-19 Fiocruz reforçou nesta quinta-feira (17) recomendação da Secretaria de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde (MS) para o uso de máscaras em locais fechados ou com pouca ventilação ou com aglomeração de pessoas.

A recomendação se estende especialmente a pessoas com fatores de risco para complicações da Covid-19, em especial imunossuprimidos, idosos, gestantes e pessoas com múltiplas comorbidades.

Nesta sexta-feira, foram registrados mais 132 novos casos de coronavírus no estado, levando o número de infectados notificados para 152.683. Nenhum óbito foi notificado nesta data, fazendo com que o número oficial de mortes por covid-19 permaneça em 2.029 em todo o Acre.

O Observatório Covid-19 Fiocruz também enfatiza que a vacinação ainda é a melhor medida de proteção individual e coletiva contra a Covid-19. As pessoas devem completar o esquema vacinal. Quem testar positivo para Covid-19, deve aguardar 30 dias a partir do início dos sintomas para receber a dose de reforço.

Os dados da vacinação contra a covid-19 no Acre podem ser acessados no Painel de Monitoramento da Vacinação, disponível no endereço eletrônico: http://covid19.ac.gov.br/vacina/inicio. As informações são atualizadas na plataforma do Ministério da Saúde (MS) e estão sujeitas a alterações constantes, em razão das informações inseridas a partir de cada município.

Acre 01

Gladson cumpre promessa e entrega farinha e biscoito de Cruzeiro do Sul para Lula

Publicado

em

Após a agenda no Palácio do Planalto, em Brasília, nesta sexta-feira, 27, o governador Gladson Cameli (Progressistas), cumpriu sua promessa e entregou ao presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, do PT, um kit que contém a famosa farinha de Cruzeiro do Sul e outros produtos da região, como biscoitos tipicamente acreano.

O registro do encontro foi feito pelo fotógrafo do presidente, Ricardo Stuckert. Na imagem, aparece Gladson sorrindo entregando a cesta ao petista – que recebe e retribui o gesto de Cameli. O pedido da farinha foi realizado por Lula ao governador em uma agenda no Egito, ainda em 2022.

Continuar lendo

Acre 01

Suposto pagamento de propinas de empresários a agentes do governo volta a ser alvo do MP

Publicado

em

Uma denúncia realizada em 2020 na Tribuna da Assembleia Legislativa levou o Ministério Público do Estado do Acre (MP-AC) a abrir um inquérito civil somente agora em 2023 para apurar denúncias de corrupção envolvendo o governo do Estado e a iniciativa privada. O despacho foi publicado na edição do Diário Eletrônico de quinta-feira, 26.

O promotor responsável pelo caso, Romeu Cordeiro Barbosa Filho, destacou que o deputado estadual Fagner Calegário (Podemos) havia denunciado no órgão controlador um suposto pagamento de propina aos empresários. Segundo ele, agentes do governo cobravam 20% dos empresários para que a gestão realizasse os pagamentos pendentes.

Tendo em vista que o procedimento extrajudicial ter sido Instaurado há mais de 180 dias, sem que tenham sido finalizadas as apurações, bem assim o vencimento do prazo de conclusão, o MP optou por dar continuidade às investigações.

Em 18 de fevereiro de 2020, o parlamentar disse na Aleac que existem pessoas em nome do governo procurando empresários e cobrando propina de 20% para que sejam realizados pagamentos pendentes. “Eu vou logo falando. Eu quero que alguém do governo diga que eu tenho que provar. É bom que vamos prestar esclarecimentos no foro legítimo que é a polícia. Existe gente em nome do governo pedindo 20% para poder resolver questão de pagamento. Isso é muito grave”, disse o deputado na época.

Calegário leu um trecho de uma suposta conversa de um dos agentes que, em nome do governo, teria feito a oferta de propina. “Eu quero aqui registrar o que anotei de uma dessas conversas. O que a pessoa falou: “quem parte e reparte fica com a maior parte. Se não fica, é burro ou não entende da arte”, diz o trecho da mensagem.

A grave denúncia não foi rebatida pelo líder do governo, Gerlen Diniz (Progressistas), na época, nem por nenhum outro deputado da base do governo Gladson.

Continuar lendo

Acre 01

Ciclistas de Tarauacá são alvos de Blitz da Polícia Militar e cena chama atenção

Publicado

em

Tarauacá é uma das cidades do Acre com maior quantidade de bicicletas nas ruas. Nesta quinta-feira, 26, em uma blitz da Polícia Militar, nem elas escapam da fiscalização. Os veículos foram parados pelos policiais, bem como as motocicletas e carros.

O comandante da Polícia Militar de Tarauacá, tenente Coronel Jamisson Neri, diz que no município há muito mais bicicletas do que carros e motos, por isso a fiscalização é necessária.

“Tarauacá tem uma singularidade no trânsito que não há em outro município acreano: o número elevado de bicicletas que transitam pelas ruas. Devido a isso, o trânsito se torna perigoso e buscando reorganizar o trânsito, estamos realizando blitz nas ruas que inicialmente tem caráter educativo e pedagógico. Em relação aos veículos motorizados verificamos a documentação. Quanto as bicicletas, foi feita orientação quanto aos deslocamento pelas via pública, quanto a respeitar semáforo, porque os ciclistas aqui não respeitam”, citou o comandante

De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro – CTB, a bicicleta é um veículo (de propulsão humana) e o ciclista, por este motivo, quando está pedalando, deve respeitar todas as regras de trânsito, como semáforos, sinalização e circulação na mão correta de direção.

Continuar lendo

Acre 01

Defesa rebate MP e afirma que não existem provas contra Policia Federal

Publicado

em

Após o discurso da promotoria do Ministério Público, o advogado de defesa de Victor Campelo, Wellington Silva, rebateu na manhã desta quinta-feira, 26, a acusação durante o julgamento na 2ª Vara do Tribunal do Júri de Rio Branco, na Cidade da Justiça, em Rio Branco e garantiu que no processo não há provas que comprove que o acusado teve a intenção de matar Rafael Chaves – em uma boate na capital, em 2016.

O defensor disse que o PF vem sofrendo as consequências da repercussão do caso e com a culpa pela morte do estudante. O advogado pediu ainda que o júri não acate os argumentos da acusação. “Peço que o júri não entre no ‘encantamento’ das falas proferidas pela acusação. Foram 10 testemunhas de defesa para falar em favor do réu. Devemos prestigiar isso. Dizem que se tem que valer das provas”, comentou.

Silva alegou ainda que as provas contra o policial são infundadas e culpou a imprensa pela exposição do caso. “Não existem provas que comprovem a culpa do Victor na morte do Rafael. Ele agiu em legítima defesa em uma briga em que se envolveu na boate. Infelizmente, o estudante foi baleado acidentalmente vindo a óbito.

Dando sustentabilidade ao seu discurso, o advogado voltou a defender o policial federal das acusações. “Meu cliente não entrou na boate atirando em ninguém e nem foi ao local com a intenção de assassinar ninguém”, garantiu.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Este conteúdo é protegido.