Conecte-se agora

Lula venceu, e agora José?

Publicado

em

Como disse na COLUNA anterior o ex-presidente Lula poderia vencer a eleição e foi exatamente o que aconteceu. Com cerca de dois milhões e cem mil votos de diferença, a chapa Lula/Alckmin derrotou o presidente Jair Bolsonaro (PL). O resultado é incontestável. A pergunta que já se fazia antes da eleição era: Como ficará a política no Acre?

Durante entrevista no Bar do Vaz, no ac24horas, Jorge Viana declarou que se Lula vencesse a eleição estaria disposto a colaborar com o governo de Gladson Cameli (PROGRESSISTA). Com uma bancada de dois senadores (Márcio Bittar e Alan Rick) e oito novos deputados federais bolsonaristas, só sobrou Sérgio Petecão (PSD). Caberá a Jorge Viana ajudar Lula na formação de sua futura base de apoio.

O governador Gladson Cameli já felicitou Lula e acena por um amplo entendimento com o governo federal com o intuito de fazer um bom segundo mandato. Gladson não é um partidário radical nem disputará o governo. Já esteve na base de apoio de Lula e Dilma quando era deputado federal.

Em relação aos cargos e obras federais no Acre, não resta dúvida, que serão ocupadas e administradas pelo PT e possivelmente aliados. No campo político, Jorge Viana também iniciou a construção de uma nova frente partidária que poderá ter o MDB, PSD, PC do B, PSD além de outros partidos de esquerda como aliados em eleições futuras. Pode ser o fim do radicalismo petistas também. Se o Lula mudou, o PT deverá mudar também por tudo que passou desde a queda de Dilma Rousseff. Do contrário, não terá aprendido nada.

“Para mim, a palavra mais importante dita por Jesus Cristo foi: Ama o teu próximo, temos que governar com amor”. (Discurso de Lula depois da confirmação de que estava eleito).

. Depois de uma eleição desarma-se os espíritos; e alguns casos leva um certo tempo, mas é o que deve acontecer.

. Os petistas não poderão vir com as mesmas posturas radicalizadas que mais criticaram no presidente Bolsonaro.

. Governar para todos não pode ser uma falácia.

. Como dizia Nietzsche:

. “Não se transforme no monstro que você combate”.

. Disse em COLUNAS anteriores que essa eleição do Lula foi resultado de um amplo movimento e não propriamente do PT.

. No Acre, os petistas devem seguir Lula desarmar os espíritos e ajudar o governo pelo bem do povo.

. Roberto Jefferson e Carla Zambelli fizeram um bom estrago na seara da campanha de Bolsonaro, provaram do próprio veneno.

. O PT, como a segunda força emergida das urnas no Acre, vai criar a FPA 2.0 para as próximas eleições municipais.

. “A eleição não foi minha nem do PT, foi de um amplo movimento pela democracia e liberdade”. (Lula, presidente eleito).

. Com a eleição de Lula, o estado volta ao seu lugar na Constituição, a laicidade.

. A COLUNA deseja aos eleitos nesse pleito (senadores, deputados federais e estaduais e o novo presidente eleito êxito na luta por um Brasil mais justo.

. Como disse o senador Sérgio Moro com a vitória de Lula nas urnas:

. “É assim mesmo, isso é democracia”!

. Próximo filme:

. E o mundo não acabou…”

. Que assim seja, bom dia!

Coluna do Astério

Gladson e o segundo mandato!

Publicado

em

Continuar lendo

Coluna do Astério

O político avestruz!

Publicado

em

Continuar lendo

Acre

Ex-prefeito Marcus Alexandre poderá ir para o Dnit

Publicado

em

Continuar lendo

Coluna do Astério

Guinada à esquerda!

Publicado

em

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Este conteúdo é protegido.