Conecte-se agora

Na Aleac, maioria dos deputados que tentam a reeleição em 2022 multiplicaram patrimônio em até 12 vezes mais

Publicado

em

Dos deputados estaduais que tentam a reeleição, a maioria aumentou o patrimônio pessoal, segundo levantamento do ac24horas junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Uns mais, outros menos, mas a grande parte ficou mais “rica” entre uma e outra eleição. O volume mais notório de “prosperidade” é do deputado Marcus Cavalcante (PDT). Ele informou ao TSE possuir R$ 741.833,33 em bens em 2022, o maior volume em investimentos. Em 2018, ele disse à Justiça que possuía apenas R$ 60.000,00, e é como se seu patrimônio tivesse crescido 12 vezes em quatro anos.

Já o deputado Neném Almeida (Podemos) declarou possuir R$ 3.212.944,42 em bens à Justiça Eleitoral em 2022. Esse valor é bem maior que o registrado em 2014, primeira vez como candidato, e quase quatro vezes superior ao registrado em 2018, quando Neném conseguiu uma vaga na Assembleia Legislativa do Acre pelo Solidariedade. Na última eleição, Neném dizia ter R$ 956.825,00 em patrimônio.

A deputada Antônia Sales (MDB) tinha um patrimônio de R$ 3.295.000,00 em 2006. Anos mais tarde, após alguns mandatos, Antônia Sales informa que em 2022 a soma de seus bens é de R$2.200.000,00. Na eleição de 2018, ela declarou R$ 912.870,00.
Assim, Antônia Sales teve o patrimônio evoluído 2,5 vezes este ano em comparação a 2018.

O deputado Chico Viga (PDT) já participou de várias eleições. Em 2018, declarou ter R$ 2.698.678,30 e na campanha atual tem R$ 1.864.204,75 – “empobrecendo” consideravelmente em quatro anos. Quando concorreu pelo PT, em 2010, seu patrimônio era de R$ 525.497,92.

O presidente da casa, deputado Nicolau Junior (Progressistas), registrou na justiça eleitoral patrimônio de R$ 1.741.476,66. Nos anos de 2018 e 2014 não existem nenhum registro declaração em seu nome. Em 2010, quando se candidatou pela primeira vez, declarou ter uma automóvel de R$ 22 mil.

O deputado Daniel Zen (PT) hoje possui R$1.619.281,31 e declarou, em 2010, R$ 645.073,63, o que elevou em 2,5 vezes seus bens no período. Para efeito de melhor comparação, em 2018 Zen disse à Justiça Eleitoral possuir R$ 764.387,35.

Fagner Calegário, do Podemos, informou R$375.000,00, o que o deixa mais “pobre” em 2022 já que em 2018 declarou R$800.000,00.

O tucano Luiz Gonzaga apresentou uma lista que contempla, no total, R$1.929.794,74 em bens, um pouco mais que em 2018, cujos bens somavam R$1.702.152,65.

O deputado Manoel Moraes (PP) tem R$ 1.405.000,00, o que o torna levemente mais “rico” que na eleição de 2018, quando informou R$1.225.000,00.

Já o depuado José Bestene (PP) busca a reeleição com R$ 1.273.838,23 em bens declarados atualmente, bem mais do que tinha em 2018: R$ 820.769,45.

O deputado Antônio Pedro (União Brasil) declarou patrimônio de R$ 1.200.000,00 nestas eleições e já registrou R$ 955.818,19 na campanha anterior.

O deputado Edvaldo Magalhães (PCdoB) informou R$ 1.113.500,00 em bens em 2022 contra R$ 913.000,00 na eleição de 2018. O deputado Pedro Longo (PDT) tem R$ 1.018.000,00 e declarou, em 2018, R$ 902.500,00, o que também o faz um pouco mais “rico” que há quatro anos.

A deputada Maria Antônia (PP), que declarou R$ 730.000,00, mais que dobrou seu patrimônio desde 2018, quando informou R$ 301.000,00.

O deputado Whendy Lima (União Brasil) declarou R$ 54.407,69, valor que é quase o dobro da eleição passada: R$ 29.870,32.

André da Droga Vale diz ter R$1.702.152,65. Em 2018, eram R$ 600.000,00. Já o pastor Wagner Felipe possui atualmente R$ 500.000,00 e não há dados de 2018.

O deputado Luis Tchê (PDT) e Sargento Cadmiel Bonfim (PSDB) não têm informe sobre bens no TSE.

FEDERAIS

Alguns deputados estaduais concorrem ao cargo de deputado federal, que é o caso de Gerlen Diniz (Progressistas), que declarou possuir R$ 2.615.658,10, mais que o dobro do valor de 2018, de R$1.228.582,62.

A deputada Meire Serafim, que pleiteia vaga na Câmara Federa, declarou R$ 76.000,00, pouco mais do que havia informado em 2018, quando elegeu-se a estadual: R$67.358,14.

O deputado Roberto Duarte (Republicanos), que também tenta uma cadeira na Câmara dos Deputados, apresenta declaração de R$ 1.019.353,03 em bens. Na eleição passada, quando elegeu-se deputado estadual, eram R$ 511.500,00, dobrando o valor atual.

O deputado Jenilson Leite, que concorre ao cargo de senador pelo PSB, declarou R$ 367.210,29 e quando elegeu-se deputado estadual, em 2018, R$ 370.000,00.

O deputado Jonas Lima, do PT, não está concorrendo em 2022.

Destaque 4

Criminoso invade casa para fazer assalto e acaba morto com três tiros na Cidade do Povo

Publicado

em

O assaltante Felipe dos Santos Sarmento, de 19 anos, foi morto a tiros dentro de uma residência situada na rua Vereadora Maria Antônia, situada no Conjunto Habitacional Cidade do Povo, em Rio Branco.

De acordo com a polícia, Felipe e mais dois comparsas não identificados invadiram a residência na tentativa de cometer um roubo. Ele foi ferido com três tiros pelo proprietário, que possui uma arma de fogo legalizada. Após ser atingido na região das costas, abdômen e rosto, Felipe caiu no quintal da residência. Os outros dois bandidos conseguiram fugir correndo.

Segundo a polícia, os criminosos invadiram a residência na tentativa de roubar arma de fogo e dinheiro do proprietário. A ambulância do suporte avançado do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionada, mas quando os paramédicos chegaram ao local para prestar os primeiros atendimentos, o assaltante já se encontrava morto.

A área foi isolada pela Polícia Militar para os trabalhos do Perito em criminalística, em seguida os policiais fizeram patrulhamento na região em busca de prender os outros criminosos, mas eles não foram encontrados. O corpo do assaltante foi removido e encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para os exames cadavéricos. O caso será investigado pela Polícia Civil.

Continuar lendo

Destaque 4

Condutora de Honda Civic mata morador de rua atropelado na Via Chico Mendes

Publicado

em

Um morador de rua ainda não identificado morreu vítima de atropelamento na noite desta quinta-feira, 22, na Via Chico Mendes, em frente a uma concessionária de veículos no bairro Triângulo, região do Segundo Distrito de Rio Branco.

De acordo com a polícia, a motorista do Honda Civic de cor branca trafegava sentido centro-bairro em velocidade acima do permitido na Via Chico Mendes, quando atropelou a vítima, que tentava atravessar a rua. O veículo estava adesivado com banner do deputado estadual e candidato à reeleição André da Droga Vale. Testemunhas contaram que assessores do candidato retiraram o adesivo do vidro traseiro do carro.

Com o impacto, foi arremessado a uma distância de aproximadamente 40 metros e caiu sobre o asfalto desmaiado. A frente do veículo ficou totalmente destruída.

A ambulância do suporte avançado do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionada, mas quando os paramédicos chegaram ao local, a vítima já se encontrava sem vida. Segundo o médico do SAMU, o homem sofreu múltiplas fraturas e um traumatismo crânio encefálico gravíssimo.

Policiais Militares do Batalhão de Trânsito estiveram no local e isolaram a área para os trabalhos de perícia. O corpo foi removido e encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para os exames cadavéricos e identificação.

A condutora do veículo foi encaminhada à Delegacia de Flagrantes (Defla), onde prestou esclarecimento e foi liberada. O veículo Honda Civic foi removido por um guincho.

Continuar lendo

Acre 01

Jorge e Nazaré se comprometem a lutar pela BR-364: “Não podemos perder essa estrada”

Publicado

em

Há dez dias da eleição, a Caravana da Esperança retorna aos municípios de Feijó e Tarauacá, nesta quinta-feira, 22, com o entusiasmo do candidato ao Governo Jorge Viana, e a candidata ao Senado Nazaré Araújo, que realizam uma campanha “pé no chão” pelo interior do Acre.

A comitiva iniciou o dia com uma caminhada pelo centro comercial de Feijó, seguido de entrevista a rádio local. Ainda pela manhã, Jorge e Nazaré seguiram com a militância rumo a Tarauacá, onde foram recebidos com uma animada passeata pelo centro do município. Os candidatos participaram do podcast Blog do Accioly e caminharam no bairro da Praia, um dos maiores da cidade.

Diante das péssimas condições da BR-364, Jorge Viana, que foi governador do Acre por oito anos, ressaltou o desafio e a conquista de sua gestão, que trouxe uma nova realidade para o estado.

“O Acre era apartado, era isolado. Nós acabamos com esse isolamento em meu governo. E com isso vieram outros benefícios para essa região. Agora é sacrifício novamente andar por essa estrada, e nas cidades a situação é mais grave ainda, com muita gente desempregada. Eu e o Marcus Alexandre somos candidatos para enfrentar essa situação. Nós queremos socorrer as pessoas que estão desamparadas, criar um grande programa de geração de emprego, recompor essa infraestrutura e fazer essa região de Feijó e Tarauacá voltar a prosperar”, disse Jorge Viana.

A candidata ao senado, Nazaré Araújo, apontou as dificuldades enfrentadas pelas pessoas que precisam trafegar pela BR-364.

“Fazemos uma força para chegar a Feijó e Tarauacá pela estrada, são vários pontos críticos. Não podemos perder essa estrada, que é uma conquista do povo acreano e que só foi possível por causa do presidente Lula e do trabalho dos governos populares. Eu como senadora quero fazer o compromisso com as pessoas do interior do estado que precisam das estradas, dos ramais funcionando para o escoamento das produções, para que se possa fazer o transporte das pessoas, porque isso é fundamental para a vida”, declarou.

A agenda de Jorge Viana e Nazaré Araújo segue durante a noite na comunidade Vila São Vicente, ao longo da BR-364, na beira do Rio Gregório, ainda em Tarauacá.

Continuar lendo

Cotidiano

Longo participa de encontro com defensores-gerais de todo o Brasil e recebe elogio

Publicado

em

O deputado Pedro Longo participou nesta quinta-feira (22) de uma visita institucional à Assembleia Legislativa e ao Palácio Rio Branco feita por defensoras e defensores-gerais de 17 estados brasileiros e o Distrito Federal no Acre.

A ocasião é parte da programação da 66ª reunião ordinária do Conselho Nacional de Defensoras e Defensores Públicos-Gerais (Condege), que acontece na manhã desta sexta (23). Essa é a primeira vez que o Estado sedia o evento.

O líder do governo acompanhou a visita ao lado do governador Gladson Cameli. “Importante participar de um momento tão significativo para a Defensoria Pública do Acre, que é uma instituição que possui um papel imprescindível para a manutenção dos direitos dos nossos acreanos, e também substancial para a história do nosso Estado. Seguiremos lutando para que as entidades do Estado tenham o seu trabalho respeitado e validade, contribuindo para o desenvolvimento do que entendemos como sociedade acreana”, salientou.

Presentes na solenidade o presidente do Conselho Nacional de Corregedoras e Corregedores Gerais (CNCG), Marcus Edson de Lima, a presidente da Associação Nacional das Defensoras e Defensores Públicos (Anadep), Rivana Barreto Ricarte, a presidente da Associação de Defensoras e Defensores Público dos Acre (Adpacre), Aryne Cunha, o vice-presidente do Condege e defensor-geral do Amazonas, Ricardo Queiroz de Paiva, além de representantes de 17 estados mais o Acre e o Distrito Federal.

Cameli aproveitou a ocasião para elogiar o trabalho que Longo vem desempenhando na Aleac. “Por onde ando e passo, me sinto muito orgulhoso em compartilhar com as pessoas o fato de que você é um exemplo de líder, que faz o seu papel de forma brilhante lutando pelo Governo e pelo nosso povo. Obrigado por tudo isso”, defendeu o chefe do executivo.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Este conteúdo é protegido.