Conecte-se agora

Acre confirma 337 novos casos de Covid-19 e 19 internados pela doença

Publicado

em

O estado do Acre registrou 337 novos casos de coronavírus nesta terça, 9. Agora, o número de infectados notificados é de 146.570 em todo o estado. Segundo a secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre), por meio do Departamento de Vigilância em Saúde (DVS), nenhum óbito foi notificado nesta terça, fazendo com que o número oficial de mortes por covid-19 permaneça em 2.021 em todo o estado.

Até o momento, o Acre registra 352.396 notificações de contaminação pela doença, sendo que 205.801 casos foram descartados e 25 exames de RT-PCR aguardam análise do Laboratório Central de Saúde Pública do Acre (Lacen). Pelo menos 129. 037 pessoas já receberam alta médica da doença, sendo que 19 continuavam internados até o fechamento deste boletim.

Os dados da vacinação contra a covid-19 no Acre podem ser acessados no Painel de Monitoramento da Vacinação, disponível no endereço eletrônico: http://covid19.ac.gov.br/vacina/inicio. As informações são atualizadas na plataforma do Ministério da Saúde (MS) e estão sujeitas a alterações constantes, em razão das informações inseridas a partir de cada município.

Cotidiano

Inmet emite alerta laranja no Acre de perigo de tempestade com ventos e queda de granizo

Publicado

em

Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) o estado do Acre está em alerta laranja de perigo com chances de tempestade, até a manhã da sexta-feira, 30. O aviso foi publicado nesta quinta-feira, 29.

Além disso, a previsão aponta chuvas entre 30 e 60 mm/h ou 50 e 100 mm/dia, ventos intensos de 60 a100 km/h e queda de granizo, além do corte da energia elétrica, estragos em plantações, queda de árvores e de alagamentos.

Nos casos de emergência, é preciso entrar em contato com a Defesa Civil, no telefone 199 ou com o Corpo de Bombeiros, no 193.

Continuar lendo

Cotidiano

Prefeitura de Rio Branco é multada por não resolver irregularidades em escola rural

Publicado

em

Uma multa imposta a prefeitura de Rio Branco foi mantida pela 2ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Acre devido o descumprimento da administração municipal em resolver irregularidades na Escola Municipal Rural Rio Branco da Capela.

De acordo com a Ação Civil Pública, o local funciona como um espaço alternativo da Escola Terezinha Migueis, mas não há o fornecimento regular de alimentação com o cardápio elaborado por nutricionista. Além disso, existe a necessidade de adequações estruturais, obtenção de alvará sanitário e certificado do Corpo de Bombeiros, que garantam a salubridade da área e segurança aos alunos e docentes.

Foi estabelecido o prazo de 60 dias para o cumprimento da sentença, sob pena de multa diária no valor de R$ 1 mil, caso a solicitação não seja realizada, mas a prefeitura alegou ausência de dotação orçamentária prévia para o atendimento da demanda.

Passado os dias determinado, o Ministério Público verificou que a escola continua funcionando com irregularidades. “Ao que tudo indica não foi questão orçamentária, posto que a reforma, é a parte que mais exige do orçamento e foi levada a efeito”, denunciou o Parquet.

O Colegiado determinou que a multa seja mantida para que assim talvez as necessidades sejam atendidas e o município tome as providências necessárias.

“É forçoso reconhecer que a omissão importa em patente violação à proteção constitucional assegurada a crianças e adolescentes, negligenciando a segurança do ambiente escolar e, via de consequência, afetando de forma direta o desenvolvimento educacional dos estudantes”, enfatizou o relator do processo, o desembargador Junior Alberto.

A decisão foi publicada na edição n° 7.155 do Diário da Justiça Eletrônico desta quinta-feira, 29.

Continuar lendo

Cotidiano

“Despacho” encontrado próximo ao Palácio é oferenda a Cosme e Damião, diz religioso

Publicado

em

Célio de Logun, presidente pai da Federação de Religiões de Matriz Africana do Acre – FEREMACRE, disse ele nota nesta quinta-feira, 29, que o despacho encontrado próximo ao Palácio Rio Branco se trata de um presente ofertado aos Ibejis, que na religião Católica são Cosme e Damião.

A federação destacou que na última terça-feira, 27, haviam sido encontrados elementos de uma oferenda na Praça do Palácio de Rio Branco, porém, nada tem haver com o período eleitoral. “É uma oferenda encontrada na praça próxima ao Palácio Rio Branco, se trata de um é um presente ofertado aos Ibejis, que na religião Católica são Cosme e Damião, cultuados em nossa religião e, para esses gêmeos, entregamos doces, pedindo saúde e longevidade conforme a nossa crença.

O pai Célio destacou ainda que como qualquer outra religião, eles são livres para manifestar sua fé. “Temos direito a expressar nossa fé em locais públicos, cumprindo nossos rituais de forma respeitosa, conforme nos garante a Constituição brasileira. Portanto, esse ato religioso de oferendar não tem cunho político ou tem a finalidade de prejudicar a qualquer pessoa”, declarou.

Continuar lendo

Cotidiano

Último FPM de setembro cai nesta sexta-feira (30) na conta das prefeituras do Acre

Publicado

em

A terceira e última parcela do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) para o mês de setembro será de R$20.698.131,90 para dividir com as 22 prefeituras do Acre. O dinheiro cai nesta sexta-feira (30) na conta dos municípios.

Já no País, o valor de R$ 2.892.284.753,29 será rateado entre as prefeituras. Esse é o valor líquido, com o desconto da retenção do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). O crédito, na conta dos Municípios, ocorre na sexta-feira, 30 de setembro, e em valores brutos, o montante ultrapassa os R$ 3,6 bilhões.

O 3º decêndio de setembro de 2022, comparado com mesmo decêndio do ano anterior, apresentou um crescimento de 17,54% em termos nominais, levando em conta as informações da Secretaria do Tesouro Nacional (STN). Já o acumulado do mês, em relação ao mesmo período do ano anterior, teve crescimento de 27,13%.

A Confederação Nacional de Municípios (CNM) explica que o 3º decêndio é calculado com base nos dias 11 a 20 do mês corrente. Ele representa, geralmente, 30% do valor esperado para o mês inteiro.

De acordo com a análise dos Estudos Técnicos da CNM, o 3º decendio deflacionado, ou seja, quando é retirado o efeito da inflação no período, e comparado ao mesmo período do ano anterior, o crescimento é de 9,36%. O mês fechou em crescimento de 18,29% comparado ao mesmo período de 2021.

Com relação ao acumulado do ano, verifica-se que o valor total do FPM vem apresentando crescimento. O total repassado aos Municípios, até agora, apresenta um crescimento de 28,54% em termos nominais em relação ao mesmo período de 2021. Sem os efeitos da inflação, o acumulado em 2022 apresenta crescimento de 16,30% em relação ao mesmo período do ano anterior.

A CNM disponibiliza uma plataforma para o acompanhamento das Transferências Constitucionais. Ela monitora e acompanha os repasses das 12 transferências aos cofres municipais. Nela o gestor pode ver todos os repasses, tanto por decêndio quanto por mês, dos últimos anos.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Este conteúdo é protegido.